panoramica in1

18 de dezembro de 2012
linha-gif

O prefeito Sídnei Franco da Rocha encaminhou à Câmara de Vereadores um projeto de lei que estabelece a base territorial dos bairros de Franca. A proposta foi votada e aprovada na sessão extraordinária de terça-feira (17/12/2012). O objetivo, segundo a exposição de motivos do projeto, é o desenvolvimento de ações para beneficiar cada segmento populacional em suas carências, direcionando o orçamento para as prioridades levantadas. Mas também prevê a facilitação do trabalho de órgãos como IBGE e os Correios. A fixação da base territorial para cada bairro vai possibilitar a padronização do endereçamento, facilitando em muito as pesquisas de dados populacionais por região.

Entre outras coisas, o projeto cria uma unidade de referência para a gestão pública e um memorial descritivo de área para bairros mais antigos, que não possuem lei de criação e loteamento. Pela proposta, são mais de 100 bairros, divididos nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste. Além de tudo isso, a cidade estava mesmo a reboque, tendo em vista o desenvolvimento das tecnologias. Por exemplo, há áreas em Franca não são reconhecidas pelos sinais de satélite dispostos para facilitar a identificação de endereços através do Sistema de Posicionamento Global (o famoso GPS). Com a inserção das coordenadas de cada bairro, a atualização será quase automática. Além disso — ah! lá vem —, a administração pública poderá rever a sua planta de valores, com reflexos positivos na arrecadação do Imposto Predial e Territorial Urbano.


 

 


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados