biografiaPicasso Hipnótico

19/12/2018 — Foi lançado no Brasil em novembro de 1988 pela Editora Best Seller o livro “Picasso, Criador e Destruidor”, da jornalista greco-americana Arianna Huffington. Trata-se de uma biografia do espanhol Pablo Picasso. A autora apresenta o pintor com um artista de inesgotável criatividade, mas também um homem em permanente guerra consigo mesmo e com o mundo. Ele era capaz de dominar e humilhar — intelectual e sexualmente — todas as mulheres seduzidas pelo seu encanto hipnótico. O livro foi resultado de cinco anos de pesquisas sobre a vítima íntima do artista.

picasso in1Pablo Picasso
PABLO RUIZ y PICASSO nasceu no dia 25 de outubro de 1881, na cidade de Málaga, Andaluzia, Espanha. Morreu no dia 08 de abril de 1973, na cidade de Mougins, Provença-Alpes-Costa Azul, França. Até os dez anos, morou na sua cidade natal. Depois, mudou-se com a família para a cidade de Corunha. Pintou sua primeira obra ainda criança. Ela representava um toureiro. Aos treze anos de idade já era considerado um gênio da pintura. Em 1897, foi para Madrid, onde montou um estúdio.

Em 1900, realizou no local a sua primeira exposição. Neste ano, foi para Paris, França, onde estavam os maiores artistas da época. Foi um período de grandes dificuldades financeiras. É considerado um dos mais influentes artistas do Século 20, ao qual é creditada a fundação do cubismo. Deixou mais de duzentas telas para a posteridade, muitas das quais consideradas verdadeiras obras primas. Seus quadros tem alcançado somas astronômicas em leilões. Em 2015, por exemplo, o “Deux Personnages” e o “Les Femmes d´Alger” foram arrematados por US$ 78,9 milhões e por US$ 541 milhões, respectivamente.

mulheres de argelMulheres de Argel
12/05/2015 — Escutou-se a sentença do martelo, entre aplausos e inevitável estupefação: 179 milhões de dólares foi o valor pelo qual o quadro “As Mulheres de Argel”, do Pablo Picasso, foi arrematado. Da sala da Christie’s, no Rockefeller Centre, em Manhattan, saía um novo recorde mundial. O quadro, uma das quinze versões que o pintor espanhol realizou, é uma elegia ao seu amigo e rival Henri Matisse, que morrera poucos meses antes, em 1954. Um trabalho inspirado no mestre do Século 19,  Eugene Delacroix.

mulher-sentadaA Mulher Sentada
17/05/2017 — Uma das mais famosas pinturas do Pablo Picasso foi vendida num leilão, em Nova York, por uma pequena fortuna. A obra, intitulada “A Mulher Sentada de Vestido Azul”, foi adquirida por 45 milhões de dólares. A mulher representada pelo retrato cubista é Dora Maar, fotógrafa e artista, um dos grandes amores do pintor e escultor. O espanhol pintou o retrato no dia do seu aniversário, em 1939, quando tinha 58 anos de idade e Dora, 31. Na história do quadro, há o fato de ele, durante a Segunda Guerra Mundial, ter sido objeto do desejo dos nazistas. A obra foi recuperada pela resistência francesa, numa das viagens entre Paris e Moravia.

retrato da suzanneAssalto Ao Museu
20/12/2017 — O Museu de Arte de São Paulo foi assaltado. A ação durou cerca de três minutos e foi filmada pelo circuito interno de vídeo. Os ladrões levaram um das mais importantes obras do acervo: a tela “Retrato da Suzanne Bloch”, do espanhol Pablo Picasso. O preço da tela, segundo especialistas do mercado de arte, pode atingir facilmente 50 milhões de dólares. O quadro é um óleo sobre tela produzido em Paris, em 1904. É apontado como um dos últimos do período azul (1901-1904) do mestre espanhol e retrata a cantora francesa Suzanne Bloch, uma das musas dele. Antes de chegar ao MASP, o quadro pertenceu ao acervo do empresário Walther Moreira Salles, dono do Unibanco.


 

 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados