thomasbellucci f1Thomas Bellucci

21/11/2016 — A Associação dos Tenistas Profissionais, com o final da temporada de 2016, anunciou o ranking dos melhores atletas do ano. Entre os 100 está o paulista Thomas Bellucci, que se fixou na 61.ª posição. Sua melhor colocação até agora (21.º lugar) aconteceu em julho de 2010. Até agora coleciona quatro títulos internacionais na carreira: ATP de Gstaad (Suíça, 2009), ATP de Santiago (Chile, 2010), ATP de Gstaad (Suíça, 2012) e ATP de Genebra (Suíça, 2015). Foi finalista na Costa do Sauípe (Brasil) em 2009, em Moscou (Rússia) em 2012 e em Quito (Equador) em 2016. Nos torneios de Grand Slam, a melhor colocação foram as quartas-de-final do Aberto da Austrália em 2013. Nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro foi desclassificado na segunda rodada. Em termos de prêmios em dinheiro, estima-se que tenha faturado na carreira cerca de 4,5 milhões de dólares.

thomasbellucci in1Bellucci Ganha Novamente Na Suíça
23/05/2015 — O tenista brasileiro Thomaz Bellucci voltou a conquistar um título, depois de dois anos, e retornará ao “top 50” do mundo. Em Genebra, ele venceu o português João Sousa, levantando o seu quarto troféu na carreira. A conquista confirma a boa fase do brasileiro, às vésperas de Roland Garros, considerado por ele o seu principal torneio em 2015. Essa foi sua primeira final em dois anos e sete meses. Até hoje, havia conquistado apenas duas vezes o torneio de Gstaad, na Suíça, e o de Santiago do Chile. No total, foram seis finais. Bellucci precisou de 1h35min para bater o português por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/4, num jogo acirrado. Na semifinal, ele já havia demonstrado muita garra ao “arrasar” o colombiano Santiago Giraldo.

thomas-bellucci1Thomas Bellucci
Thomaz Cocchiarali Bellucci
nasceu no dia 30 de dezembro de 1987, na cidade de Tietê, São Paulo. Começou a carreira profissional em 2005, participando dos torneios da Associação dos Tenistas Profissionais. No começo, teve sérios problemas de contusão, passando, inclusive, em 2006, por uma intervenção no joelho, por causa de um desgaste na cartilagem.

Em 2007, começou a temporada como o número 582 no ranking mundial da ATP. Em 2008, graças aos bons resultados da temporada anterior, subiu para o número 183, assumindo o posto de segundo melhor brasileiro no ranking. Em 2009 chegou à posição 177 e, em 2010, conseguiu se fixar no vigésimo primeiro lugar, o melhor da sua carreira. Ganhou quatro títulos e amealhou prêmios de mais de US$ 3 milhões até 2015. Fechou o mês de agosto deste ano no trigésimo lugar no ranking mundial.


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados