Imprimir
Categoria: Tenistas Masculinos
Acessos: 5937

20200202 australia1Austrália

03/02/2020 — O tenista Novak Djokovic conquistou o oitavo título do Aberto da Austrália ao vencer, por três sets a dois, o austríaco Dominic Thiem. No primeiro set, o sérvio mostrou a disposição para a luta, vencendo por seis a quatro. Mas o adversário, nos dois sets seguintes, impôs as parciais de seis a quatro e seis a dois. Assim, o Djokovic teve de partir pra cima nos dois sets finais, vencendo-os por seis a três e seis a quatro. Na era aberta, o sérvio é o maior vencedor do na Austrália.

Faturou os outros sete títulos em 2008, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016 e 2019. Para ganhar o troféu este ano, o sérvio venceu, na primeira rodada, o alemão Jan-Lennard Struff. Na segunda rodada, passou pelo japonês Tatsuma Ito; na terceira, pelo também japonês Ioshihito Nishioka; e, na quarta, pelo argentino Diego Schartzman. Nas quartas de final, eliminou o canadense Milos Raonic, e, nas semifinais, o suíco Roger Federer. Na ranking mundial, o Djokovic, com a vitória na Austrália, assumiu o primeiro lugar, com 9.720 pontos.

Versus Rio
20/01/2020 — O governo do Rio de Janeiro foi condenado pela justiça a pagar uma indenização ao tenista Novak Djokovic, num processo movido pelo sérvio em 2013. O atleta participou, em 2012, a convite do estado, de um amistoso com o Gustavo Kuerten, na inauguração de quadras  em projetos sociais, mas não recebeu a totalidade do pagamento. O contrato previa o pagamento total de 1,1 milhão de dólares, parcelado em três vezes. O tenista, porém, só recebeu dois pagamentos, totalizando 450 mil dólares. O valor restante, de 650 mil dólares, chega hoje a cerca de R$ 3 milhões. A Procuradoria Geral do Rio de Janeiro reconheceu a dívida.

0803 Novak-DjokovicGuerreiro dos Balcãs
NOVAK DJOKOVIC nasceu no dia 22 de maio de 1987, na cidade de Belgrado, capital da Sérvia. Começou a jogar tênis com apenas quatro anos de idade. Aos doze, foi para a Alemanha, com o objetivo de receber treinamento especial. Com dezesseis, fez a estreia no circuito profissional. Conquistou o primeiro título em 2006, no Dutch Open Tennis Amersfoort, disputado na Holanda, quando venceu o chileno Nicolás Massú por dois sets a zero. O primeiro título de Grand Slam veio em 2008, com a conquista do Aberto da Austrália, ocasião em que passou pelo francês Jo-Wilfried Tsonga por três sets a um.

Ainda em 2008, faturou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim. Em 2016, por ocasião da sua vinda ao Brasil para as disputas dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, foi capa da revista Veja do dia 03/08/2016. Naquele ano ganhou sete torneios, entre os quais o Aberto da Austrália e o Roland Garros (Aberto da França). Ficou todo o ano de 2017 fora das quadras, depois de passar por uma cirurgia no cotovelo direito. Na carreira, até fevereiro de 2020, são 78 títulos, sendo dezoito deles de Grand Slam. Estima-se que tenha amealhado cerca de US$ 143,1 milhões de prêmios em dinheiro. Em 2019, ganhou o Prêmio Laureus de melhor atleta de 2018.