Denzel

26/08/2020 — O ator Denzel Washington, de 66 anos, completou dois filmes a serem lançados em 2021. O primeiro, “The Little Things”, ainda sem título em português, está previsto para o dia 29 de janeiro. Na trama, ele interpreta um policial com muito talento para enxergar pequenos detalhes, importantes para a solução dos casos. Mas também tem uma tendência para quebrar regras. Quando se une a outro detetive para prender um assassino em série, vem à tona o seu passado obscuro e o seu mau comportamento. O outro filme é um drama baseado no William Shakespeare: “A Tragédia do MacBeth”. No total na carreira, o Denzel Washington registra 58 produções. O último sucesso, a ação “O Protetor 2”, lançado em 2018, fez US$ 190,4 milhões na bilheteria mundial.

Denzel Washington
DENZEL HAYES WASHINGTON nasceu no dia 28 de dezembro de 1954, na cidade de Monte Vernon, Estado de Nova York. Na faculdade, inicialmente, matriculou-se no curso de jornalismo. Mas, logo adiante, mudou de ideia, resolvendo cursar teatro. Tornou-se, com o tempo, um dos atores mais celebrados do cinema mundial. A primeira oportunidade aconteceu em 1977, no telefilme “Wilma”. Depois de diversos outros pequenos papéis, viveu, 1987, o primeiro protagonista no cinema, encarnando o ativista político sul-africano Steve Biko no drama biográfico “Um Grito de Liberdade”. Ganhou, definitivamente, o aplauso da crítica com o desempenho no drama de guerra “Tempo de Glória”, pelo qual ganhou, em 1990, o Oscar e o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante. Na categoria de “melhor ator” ganhou também o Globo de Ouro em 2000, pelo drama biográfico “O Furacão”, e o Oscar em 2002, pelo drama policial “Dia de Treinamento”.

o protetor 2 ft2 destaqueThe Equalizer 2
27/12/2018 — O premiado Denzel Washington esteve nos cinemas brasileiros entre os dias 16 de agosto e 23 de setembro com o filme “O Protetor 2”. De acordo com os números do mercado cinematográfico, o drama de crime, ação e suspense foi visto no período por 850.479 espectadores. A renda bruta girou em torno de R$ 16,1 milhões. Na bilheteria mundial, o filme fez 190,4 milhões de dólares, repetindo o sucesso do primeiro exemplar, de 2014, cuja arrecadação finalizou em 192,3 milhões de dólares.

Desta vez, o personagem Robert McCall trabalha como motorista. Nas horas vagas, ajuda pessoas vítimas de injustiças. Quando a amiga Susan Plummer (Melissa Leo) é morta durante a investigação de um assassinato na Bélgica, ele decide sair do anonimato. Procura o antigo parceiro Dave (Pedro Pascal), com o objetivo de encontrar pistas sobre a autoria do crime. Esse foi o 56.º filme do Denzel Washington. O ator, depois do enorme sucesso dos últimos anos, em que chegou a fazer de dois a três filmes por temporada, está, agora, numa fase de muita reflexão sobre os roteiros que lhe são apresentados. Por isso, para 2019, ainda não tem nada em vista.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados