diamantino-mt-vista1Diamantino

Foi fundada no dia 18 de setembro de 1728. Emancipou-se politicamente no dia 16 de julho de 1918.

Situa-se no centro-oeste do Estado do Mato Grosso. Limita-se territorialmente ao norte com os municípios de ao norte com São José do Rio Claro, ao sul com Alto Paraguai, a leste com Nova Mutum e a oeste com Nova Marilândia. O último censo demográfico realizado estimou a população em 20,3 mil habitantes, assentados numa área de 8,2 mil quilômetros quadrados. Seu produto interno bruto foi estimado em R$ 902,4 milhões, representados pelos setores da Agropecuária (58,1%), Serviços (38,1%) e Indústria (3,8%). O Índice de Desenvolvimento Humano (IDHM) é 0,788, considerado alto pelos padrões da ONU.

diamantino-cach1Historicamente, a descoberta, em 1719, das minas de ouro de Cuiabá estimulou o prosseguimento de outras explorações. Os bandeirantes paulistas continuavam suas investidas, à procura de índios e de riquezas minerais pelo sertão. Gabriel Antunes Maciel, capitão-mor de Sorocaba, vencendo todas as dificuldades, avançou a sua bandeira pelo sertão norte-mato-grossense, alcançando a região, a maior riqueza diamantífera da região, nas altas cabeceiras do Rio Paraguai. A exploração do ouro foi crescendo até chegar na confluência do Ribeirão do Ouro. Nesse ponto, a abundância de ouro e diamantes foi extraordinária porque os minérios eram encontrados até mesmo à flor do solo.

Diante de tamanha descoberta, a notícia chegou logo a Cuiabá, de onde saía muita gente, com destino àquela região. E assim fundou-se o Arraial do Alto Paraguai, onde se encontra a atual cidade. Apesar da distância e da difícil comunicação, o arraial foi crescendo. Progrediu tanto, que por Alvará Régio de novembro de 1820 passou à categoria de vila, com nome Vila de Nossa Senhora da Conceição de Alto Paraguai Diamantino. Em 1823, por ocasião da escolha da nova capital de Mato Grosso, a cidade foi cotada, mas a escolha final recaiu sobre Cuiabá. Em julho de 1918 foi elevada à categoria de cidade, com o seu nome definitivo de Diamantino. Em 1920, a cidade foi cognominada pelo então governador de “Sentinela do Norte Matogrossense”.

gilmarmendes in2Ao contrário da maioria das cidades brasileiras, a base da economia local é a agropecuária. É administrada pelo prefeito Juviano Lincoln (PSD), reeleito em 2012 para o mandato de 2013-2016, com 3.920 votos (33,88% dos votos válidos). A Câmara de Vereadores conta com nove vereadores: Edevirge Paulina Almeida Couto (PSC), Edílson Mota Sampaio (PDT), Edson “Giripoca” da Silva (PDT), Gislene “Gisa” Aparecida de Souza (PSB), Josenil “Bodão” Costa Lube (PSDB), Luiz Carlos “CarlinhosGaino (PSD), Manoel “Dr. Manoel” Loureiro Neto (PP), Márcio Mendes (PPS), Natalino da Silva Barros (PMN), Dentre os seus filhos ilustres, destaca-se o jurista Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal.

Cidades Brasileiras

UP TOGGLE DOWN


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados