Imprimir
Categoria: Astrônomos
Acessos: 2771

bailly1João Bailly

Jean Sylvain Bailly nasceu no dia 15 de setembro de 1736 e morreu no dia 12 de novembro de 1793, na cidade de Paris, França.

Era filho de Jacques Bailly, um artista e supervisor do Museu do Louvre, e neto de Nicholas Bailly, também artista e pintor da corte. Era, então, uma criança originalmente destinada a seguir a tradição familiar nas artes. Entretanto, tornou-se profundamente atraído pela ciência, especialmente a astronomia, por causa da influência de Nicolas de Lacaille. Foi um aluno brilhante nos cursos básicos e na universidade. Depois, iniciou, com bastante sucesso, a carreira científica destinada à astronomia.

Membro da Academia de Ciências em 1763, calculou a órbita do Cometa Halley. Seu ensaio sobre a Teoria dos Satélites de Júpiter, lançado em 1766, foi seguido, em 1771, pela dissertação sobre As Desigualdades na Luz dos Satélites de Júpiter e por outros trabalhos importantes na história da ciência. Com a Revolução Francesa, interrompeu os estudos. Eleito deputado para o Estado Geral, foi escolhido para a presidência do Terceiro Estado. Sua ordem para dispersão de manifestantes no Campo de Marte o tornou detestado pelo povo, o que o obrigou a se refugiar na cidade de Nantes. Posteriormente, foi reconhecido e levado para Paris, onde o Tribunal Revolucionário o condenou à morte. Morreu guilhotinado.