Imprimir
Categoria: Americanos Atores
Acessos: 75

20190603aJohn Wayne

Nome de batismo: Marion Robert Morrison
Nascimento: 26 de maio de 1907
Cidade: WintesetYowaEUA
Falecimento: 11 de junho de 1979
Cidade: Los AngelesCalifórnia
Início da carreira: 1926
Aposentadoria: 1976
Créditos 1: 170 filmes (ator)
Créditos 2: cinco filmes (diretor)
Créditos 3: 25 filmes (produtor)

Playboy
03/06/2019 — O ator John Wayne foi o destaque da tradicional entrevista publicada pela revista Playboy em maio de 1971. Essa entrevista saiu na edição brasileira de janeiro de 1989. De acordo com o jornalista Richard Warren Williams, o ator podia se gabar de ser considerado o protótipo da virilidade americana, quase duzentos filmes que tinha feito desde 1926 até então. Nesses filmes, quase todos de ação, ele derrotou japoneses, coreanos e alemães nas batalhas de Iwo Jima e da Normandia. Varreu tribos inteiras do mapa, protegeu incontáveis diligências, garantiu o Forte Apache e limpou de facínoras inúmeras cidades do Velho Oeste. Tudo isso sem derrota. Exceto a do Álamo, em que os americanos “apanharam” dos mexicanos.

Em mais de quarenta anos de trabalho, o John Wayne havia rendido cerca de quatrocentos milhões de dólares aos estúdios. Era, ele próprio, um dos mais ricos do cinema, mas, nem por isso, um dos mais cobertos de glórias. A glória só veio em 1970, quando ganhou, finalmente, o Oscar de melhor ator pelo papel do Xerife Rooster Cogburn, do filme “Bravura Indômita”. Politicamente, o ator sempre apoiou o Partido Republicano, especialmente o então presidente Richard Nixon. Assim, ninguém se surpreendeu quando ele ousou produzir e dirigir pessoalmente o filme “Os Boina Verdes”, única produção favorável à Guerra do Vietnã, nos anos de 1960. A maior parte da população era contra o conflito, mas o Wayne, permaneceu como uma das figuras mais admiradas em seu país.

Principais Filmes
1930 A GRANDE JORNADA
1935 TERROR NO TEXAS
1939 NO TEMPO DAS DILIGÊNCIAS
1942 VENDAVAL DE PAIXÕES
1948 RIO VERMELHO
1949 IWO JIMA
1950 RIO BRAVO
1952 DEPOIS DO VENDAVAL
1956 RASTROS DE ÓDIO
1960 O ÁLAMO
1967 EL DORADO
1968 OS BOINAS VERDES
1969 BRAVURA INDÔMITA
1970 RIO LOBO
1975 JUSTICEIRO IMPLACÁVEL