Palmeiras 1 x 1 Boca Juniors

11/04/2018 — A Sociedade Esportiva Palmeiras, pela Taça Libertadores da América, não passou de um empate em um a um com o Boca Juniors, da Argentina, no Palestra Itália. O time repetiu os mesmos erros cometidos contra o Corinthians na final do Paulistão. Não conseguia levar perigo para o gol adversário até que o atacante Marcos Keno, aos 44 minutos do segundo tempo, marcou aquele que seria o gol da vitória. Seria, porque, aos 46, numa falha da defesa, o atacante Carlos Tevez empatou a partida. O alviverde saiu do campo vaiado pela torcida. Segundo o boletim financeiro, 37.192 torcedores pagaram ingresso para ver a partida, propiciando a arrecadação de  R$ 4.426.402,50. Mesmo com o resultado, considerado negativo, o Palmeiras continua na liderança do Grupo 8, com sete pontos. O Boca Júniors está em segundo, com cinco. As duas equipes voltarão a se enfrentar no dia 25, em Buenos Aires.

2018021520170701 gremio estreia20180411 boca1Artilheiros
2   BRUNO HENRIQUE Corsini
2   Miguel BORJA Hernández
1   Marcos KENO França
1   THIAGO MARTINS Bueno

Amarelos
2   FELIPE MELO Carvalho
1   BRUNO HENRIQUE Corsini
1   Marcos KENO França
1   Miguel BORJA Hernández

20180403 alianza2Palmeiras 2 x 0 Alianza
03/04/2018 — Em sua segunda partida pela Taça Libertadores da América, o Palmeiras não teve dificuldades para vencer, por dois a zero, no Palestra Itália, a equipe do Alianza Lima, do Peru. Os gols palmeirenses foram marcados pelo zagueiro Thiago Martins, aos dez minutos do primeiro tempo, e pelo atacante Miguel Borja, ao um minuto da etapa final. O técnico Roger Machado poupou os jogadores Marcos Rocha, Victor Luís, Bruno Henrique e Willian Siqueira. Com a vitória, o alviverde está folgado na liderança do Grupo 8, com seis pontos ganhos, 100% de aproveitamento.

Barranquilla 0 x 3 Palmeiras
01/03/2018 — A Sociedade Esportiva Palmeiras foi à Colômbia, viu e venceu. Na estreia na Taça Libertadores da América, contra o Atlético Júnior Barranquilla, o verdão passou o rodo no adversário, impondo-lhe três a zero. É claro que a tarefa do time brasileiro foi muito facilitada pela expulsão do lateral Gérman Gutierrez, aos nove minutos, depois de uma falta muito violenta no meia-defensivo Bruno Henrique. O próprio volante palmeirense fez o primeiro gol, aos 18 minutos do primeiro tempo. O centroavante Miguel Borja ampliou aos seis minutos da etapa final e o Bruno Henrique, novamente, marcou o terceiro, aos 26.

20180302Título de 1999
O Palmeiras foi campeão da Taça Libertadores da América de 1999 após derrotar, na final, a equipe do Deportivo Cali, da Colômbia, no Palestra Itália, no dia 16 de junho, por dois a um no tempo normal e, depois, nos pênaltis, por quatro a três. Os gols palmeirenses foram marcados pelos atacantes Evair Paulino e Oséas Santos. Para chegar ao título, o alviverde disputou a fase de grupos com o Corinthians, o Cerro Porteño e o Clube Olímpia, ambos do Paraguai. No final da fase, estava classificado no segundo lugar, com 10 pontos, atrás do Corinthians, o primeiro com 12. Depois, passou, sucessivamente, pelo Vasco da Gama, nas oitavas de final; pelo Corinthians, nas quartas de final; e pelo River Plate, da Argentina, nas semifinais. Na época, o treinador palmeirense era o gaúcho Luiz Felipe Scolari. O líder da equipe era o goleiro Marcos Reis.


 

 

 


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados