soja1Exportações

02/06/2020 — Mesmo com os impactos da pandemia da Covid-19 na economia e no comércio mundial, a balança comercial brasileira continua registrando saldo positivo. Em junho, o superávit carimbou de US$ 7,46 bilhões. É o melhor saldo comercial para o mês de junho desde o início da série histórica, em 1989. Os resultados foram divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia. No mês de junho, as exportações somaram US$ 17,9 bilhões e as importações, US$ 10,5 bilhões. Os valores tiveram queda de 12% e 27,4%, respectivamente, em relação ao mesmo período do ano anterior. O grande responsável pelo resultado positivo do mês foi o agronegócio, com crescimento de 23,8%.

Produtos
As exportações de soja, açúcar e café do Brasil dispararam em maio na comparação com o mesmo mês de 2019, de acordo com dados oficiais publicados pelo governo. O desempenho desses produtos impulsionou-se pelo alto patamar do dólar em relação ao real, além das firmes compras da China. Os embarques de soja do Brasil atingiram 15,5 milhões de toneladas, versus 10 milhões em maio do ano passado. Entretanto, as exportações do produto ainda ficaram abaixo do recorde registrado em abril, quando as vendas externas marcaram mais de 16 milhões de toneladas. No caso do açúcar, os embarques somaram 2,7 milhões de toneladas em maio, ante 1,51 milhão em 2019. Já as exportações de café atingiram 3,6 milhões de sacas no mês cinco. Em 2019 foram 3,28 milhões.

Principais produtos
acumulado 2020 em US$

4.667.914.626  SOJA

1.883.614.326  FERRO

1.094.356.352  PETRÓLEO

0.711.420.180  AÇÚCAR DE CANA

0.655.475.570  CARNE BOVINA

0.563.028.245  FARELO DE SOJA

0.552.985.549  CELULOSE

0.405.932.732  CARNE DE FRANGO

0.347.195.753  MANUFATURADOS

0.281.264.495  CAFÉ CRU EM GRÃO


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados