Construção

figura1

13/06/2024 — O Índice Nacional da Construção Civil apresentou variação de 0,17% em maio, queda de 0,24% em relação a abril (0,41%). Dessa forma, a alta registra 2,31% nos últimos doze meses — junho de 2023 a maio de 2024 —, resultado abaixo dos 2,51% observados nos doze meses anteriores. O acumulado no ano carimba 0,99%. Em maio do ano passado, o índice mensal marcou 0,36%. O custo nacional da construção por metro quadrado, que em abril fechou em R$ 1.736,37, passou em maio para R$ 1.739,26. Desse valor, R$ 1.006,80 relativos aos materiais e R$ 732,46 à mão de obra. A parcela dos materiais apresentou variação negativa de -0,05% no mês cinco. Já a parcela da mão de obra registrou taxa de 0,44%. No Estado de São Paulo, o custo da construção civil está em R$ 1.986,73 nas contas do sindicato do setor.

Maio
POR METRO QUADRADO
R$ 1.739,26

MÊS     VALOR
1     JANEIRO 1.725.52
2     FEVEREIRO 1.728,11
3     MARÇO     1.729,25
4     ABRIL     1.736,37
5     MAIO     1.739,26
             

Emprego

31/05/2024 — O setor da construção civil criou 31.893 novos postos de trabalho no país em abril de 2024. De acordo com os dados oficiais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho, no quarto mês do ano foram registradas 221.932 admissões e 190.039 demissões no CAGED. O saldo de abril deste ano é maior do que o registrado em março (28.197 novas vagas). Também é maior do que o saldo de abril de 2023 (27.053 vagas). A construção civil é o terceiro setor que mais emprega no país. No acumulado de quatro meses em 2024, as vagas criadas somam 141.428. No mesmo período de 2023 foram 121.113. O setor virou abril com 2.889.497 carteiras assinadas no CAGED.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados