Chrysler + Fiat: Jeep
20161026 compass

25/10/2016 — Vão começar no dia 05/11/2016 as vendas da segunda geração do Compass, lançado a menos de um mês pela Jeep. Ela vem com motor turbodiesel flexível de 170 cavalos e câmbio automático de nove marchas. Serão oferecidas três versões: “Sport”, a partir de R$ 99,9 mil; “Longitude”, R$ 106,9 mil; e “Limited”, R$ 124,9 mil. As opções a diesel têm preços de R$ 132,9 mil e R$ 149,9 mil (Trailhawk). A “Sport”, alem dos air bags obrigatórios, tem sistema Isofix para cadeira infantil, controles de tração e estabilidade. A “Longitude” inclui chave por presença, comandos para troca de marcha e tela de oito polegadas com navegador GPS. A “Limited”, por sua vez, vem com sete air bags, faróis de xenônio e censor de ponto cego nos retrovisores.

JEEP — Divisão da Chrysler Automobiles, fundada em 1941, na cidade de Toledo, Ohio, Estados Unidos. O termo “jipe” virou sinônimo de carros feitos para “andar na estrada de terra”. O nome da marca foi extraído do personagem Eugene the Jeep, criado pelo cartunista Elzie Crisler Segar. Em 1998, após uma série de acordos, que envolveram o governo federal americano e o sindicato da área automobilística, aprovou-se a fusão da Fiat Internacional com o grupo Chrysler, formando o atual Chrysler LLC Group, controlado pelo grupo Fiat. Ao Brasil, a marca chegou no fim da década de 1950, quando foi produzido o “Candango”, em homenagem aos trabalhadores que construíram Brasília. Até 1980, o veículo foi produzido, inicialmente, pela Willys Overland e, depois, pela Ford. Em 2015, o modelo “Renegade” foi um dos mais vendidos no mercado brasileiro.


 

 


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados