sergio rial13.º Trimestre

01/11/2019 — O banco Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 3,608 bilhões no terceiro trimestre de 2019, alta de 5,8% em relação aos três meses anteriores, quando o ganho havia ficado em R$ 3,41 bilhões. Já o lucro gerencial, que exclui fatores extraordinários, ficou em R$ 3,705 bilhões. No acumulado do ano, o lucro líquido societário registra R$ 10,4 bilhões, crescimento de 18,1% em doze meses. As receitas totais somaram R$ 48,3 bilhões entre janeiro e setembro, aumento de 6,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Com esse resultado, a participação do Santander Brasil no mercado de crédito nacional atingiu 9,9%. Segundo o banco, o número de clientes ativos alcançou 25,9 milhões em setembro, crescimento de 11%.

Responsabilidade
05/11/2019 — O Banco Santander foi condenado a ressarcir um cliente que teve dinheiro roubado em 2014 no estacionamento da unidade financeira no Jardim das Américas, em Curitiba
O empresário ia à agência com frequência por causa das movimentações financeiras da empresa e foi abordado pelos assaltantes no estacionamento da unidade no subsolo. Ao todo foram roubados R$ 16.500,00O banco alegou na justiça que não tinha responsabilidade pelo estacionamento, uma vez que o espaço era terceirizado. Pediu, assim, a improcedência da ação. Para a justiça, entretanto, o banco é, sim , responsável e deve garantir a segurança dos usuários, dentro e fora das unidades. Além de ter que ressarcir os R$ 16.500,00 roubados, com juro de 1% ao mês desde o início da citação, o Santander deverá pagar à vítima outros R$ 15 mil por danos morais.

2.º Trimestre
25/07/2019 — O banco Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 3,41 bilhões no segundo trimestre deste ano, queda de 0,2% em relação aos três meses anteriores. Já o lucro gerencial, que exclui fatores extraordinários, alcançou R$ 3,635 bilhões, alta trimestral de 4,3%. No semestre, o lucro líquido societário registrou R$ 6,82 bilhões, enquanto o gerencial somou R$ 7,12 bilhões, crescimento de 21% em doze meses e de 4,3% em três meses. As receitas totais somaram R$ 31,269 bilhões nos seis primeiros meses do ano, alta de 7,1%, influenciada principalmente pela margem de crédito. Segundo o relatório, o número de clientes ativos totais alcançou 25,5 milhões em junho, alta de 12% em relação ao mesmo mês do ano passado.

1.º Trimestre
02/04/2019 — O Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 3,415 bilhões no primeiro trimestre de 2019, representando um crescimento de 21,1% na comparação com o mesmo período do ano passado (R$ 2,820 bilhões). Já o lucro gerencial, que exclui fatores extraordinários, alcançou R$ 3,485 bilhões nos primeiros três meses do ano, alta de 21,9% na comparação anual, segundo as demonstrações financeiras encaminhadas à Bolsa de Valores de São Paulo. O banco informou que o número de clientes ativos cresceu 12% em um ano, chegando a 24,9 milhões de correntistas. As receitas de tarifas do banco caíram 4,1% no trimestre. Ainda assim, o Brasil representou 29% do maior banco da zona do euro em valor de mercado no primeiro trimestre de 2019.

santander logo ft1BANCO SANTANDER foi fundado em 1857, na cidade homônima, situada na região da Cantábria, Espanha. É considerado a maior instituição financeira da zona do euro. Começou a espalhar agências pelo mundo na década de 1980. Ao Brasil, chegou em 1997, com a aquisição do Banco Geral do Comércio, pertencente ao grupo Camargo Corrêa. Depois, comprou o Banco Meridional e o Banco Bozano Simonsen por R$ 1,5 bilhão. Mas o grande negócio no país aconteceu em 2001, quando ganhou o leilão de privatização do Banco do Estado de São Paulo (Banespa), com uma oferta de mais de R$ 7 bilhões. Seguiram-se as aquisições do ABN Amro e do Banco Real. Isso tudo o transformou uma das principais instituições financeiras do Brasil. Estima-se que, no mundo, tenha mais de cinquenta mil funcionários.

Bancos & Reclamações
18/01/2018 — O Banco Central atendeu, em 2017, 506.195 demandas relacionadas ao Sistema Financeiro Nacional, como reclamações contra produtos, serviços ou instituições financeiras e pedidos de informação referentes a cadastros mantidos pela instituição. A portabilidade de crédito foi o tema mais reclamado, com quase 50 mil ocorrências, 27% do total de reclamações reguladas. A portabilidade dá direito ao cliente de transferir para outra instituição um empréstimo já contratado. De acordo com o relatório do Banco Central,  o campeão de reclamações foi o Banco Santander, com 42,8 de índice. No segundo lugar ficou a Caixa Econômica Federal, com 33,2. A medalha de bronze negativa foi para o Bradesco25,6.

Crédito Imobiliário
23/04/2018 — Dez dias depois de a Caixa Econômica Federal baixar os juros de seus financiamentos imobiliários, de 10,25% para 9% ao ano, nas linhas do Sistema Financeiro da Habitação, o Santander Brasil anunciou novo corte de juros nas suas linhas desse segmento de crédito. O banco, que tinha baixado a taxa do crédito para a casa própria em junho do ano passado, de 9,99% para 9,49%, cortou novamente os juros, agora para 8,99% ao ano. A taxa para operações da Carteira Hipotecária foi reduzida a 9,49%. As novas taxas vão vigorar até 31 de julho. Valem, exclusivamente, para os clientes pessoa física do banco. Nos três primeiros meses do ano, a carteira de crédito imobiliário do banco para pessoas físicas atingiu R$ 29,1 bilhões, alta de 7,6% frente ao mesmo período de 2017.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados