banner-topo

Hélia Correia ganha o “Camões” — o principal prêmio literário da língua portuguesa

helia-correia1Um Prêmio de R$ 348 Mil

18/06/2015 — A escritora portuguesa Hélia Correia foi venceu a edição de 2015 do Prêmio Camões, a mais importante láurea destinada a autores de língua portuguesa. A decisão aconteceu na tarde desta quarta-feira (17/06/2015), no Palácio São Clemente, sede do consulado de Portugal, no Rio de Janeiro. Ela vai ganhar um prêmio de 100 mil euros (R$ 348 mil, aproximadamente). Com a escolha, Portugal empata com o Brasil em número de premiados: 11 cada. Nascida em Lisboa, em 1949, a autora é uma das principais representantes daquela que é conhecida como a “geração de 80”. Em 2014, o “Camões” foi para o brasileiro Alberto da Costa e Silva.

helia-correia2Hélia Correia
Nasceu no dia 1.º de fevereiro de 1949, na cidade de Lisboa, Portugal. Mudou-se ainda criança para a cidade de Mafra, onde cresceu e fez os primeiros estudos. É licenciada em filologia românica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Fez também um curso de pós-graduação em teatro clássico. É professora de língua portuguesa do ensino secundário. Além da dedicação à literatura, trabalhou como tradutora. Em 2013, venceu o Prêmio Vergílio Ferreira pelo conjunto obra. Ganhou também o Prêmio Literário Correntes d'Escritas/Casino da Póvoa pela obra “A Terceira Miséria”, uma homenagem à Grécia. Em 2015, foi laureada com o Grande Prêmio Camilo Castelo Branco, com a obra “20 Degraus e Outros Contos”.


o-separar-das-aguas1Literatura Em Prosa
1981 — O Separar das Águas
1982 — O Número dos Vivos
1983 — Montedemo
1985 — Villa Celeste
1987 — Soma
1988 — A Fenda Erótica
1991 — A Casa Eterna
1996 — Insânia
2001 — Lillias Fraser
2001 — Antárdida de Mil Folhas
2002 — Apodera-te De Mim



© 2013 Tio Oda - Todos os direitos reservados