maurren in1Maurren Maggi

MAURREN HIGA MAGGI nasceu no dia 25 de junho de 1976, na cidade de São Carlos, São Paulo. Tornou-se o maior nome da história do atletismo feminino do Brasil ao ganhar a medalha de ouro na prova do salto em distância nos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008, saltando 7,04 metros. Foi eleita a melhor atleta da década pela revista Sport Life. É a recordista brasileira e sul-americana da sua modalidade, com o salto de 7,26 metros e três vezes campeã panamericana (Winnipeg em 1999, Rio de Janeiro, 2007, e Guadalajar , 2011).


É também recordista sul-americana na prova dos 100 metros com barreiras, com a marca de 12s71, obtida em 2001, e já foi recordista sul-americana do salto triplo, com 14m53, marca obtida em 2003. T
erminou duas vezes o ano como número um do mundo no salto em distância: em 1999 (7,26 m) e em 2003 (7,06 m). Teve a primeira participação olímpica em Sydney, Austrália (2000), ficando com o 25º lugar. Poucos dias antes dos Jogos Panamericanos de Santo Domingo, em 2003, foi suspensa da competição, acusada de uso de doping. A atleta alegou que não sabia da presença de clostebol encontrado no seu organismo, na composição do creme cicatrizante Novaderm, que teria sido aplicado após uma sessão de depilação definitiva.


A droga é a primeira na lista de proibições da Associação Internacional de Federações de Atletismo. Ficou de fora dos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, devido à suspensão. Em 2006, retornou aos treinamentos e conquistou novamente a medalha de ouro nos Jogos Panamericanos do Rio de Janeiro, em 2007, com a marca de 6,84 metros. Ainda competiu no salto triplo, mas terminou a prova no quarto lugar. Na preparação olímpica no início de 2008, saltou 6,89 metros no Mundial de Atletismo Indoor, na Espanha, e conquistou a medalha de prata. No Troféu Brasil de Atletismo, em junho de 2008, conquistou a medalha de ouro com a marca de 6,99 metros, o segundo melhor salto do mundo do ano. A prova dos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008,  marcou também a conquista da segunda medalha de ouro do Brasil na história da compeetição.


Em 2009,  venceu a prova de salto em distância do Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo, com a marca de 6,85 metros. Em fevereiro de 2010, assinou contrato com o São Paulo Futebol Clube, seu clube de coração, em parceria com a Nestlé. Em maio de 2011, disputou a primeira etapa da Liga de Diamante de Atletismo, em Doha, Catar, conquistando a medalha de prata. Com esse resultado, garantiu sua presença no Campeonato Mundial de Daegu, Coreia do Sul, e nos Jogos Panamericanos de Guadalajara, México, onde acabou conquistando mais um medalha de ouro para o Brasil. Em 2016, já aposentada, participou como ela mesma de um capítulo da novela “Totalmente Demais”. Em 2017, participou de 58 episódios do reality showExathlon Brasil”, gravado na República Domininicana e exibido na TV Bandeirantes.



 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados