off-carrera1502Cindy Crawford
30/09/2015 — “Nós não acreditamos que essa mulher vai fazer 50 anos!” Essa é a frase estampada na capa revista Off Camera, na qual Cindy Crawford aparece nua. A modelo, que fez sucesso nos anos 1990, permanece um ícone de beleza. A ex-modelo completará 50 anos no dia 20 de fevereiro do ano que vem. Além da revista, Cindy lançou um livro de memórias nesta terça-feira (29/09/2015), nos Estados Unidos. Intitulada “Becoming Cindy Crawford”, a publicação reúne as 150 fotos mais marcantes da sua carreira, além de histórias e lições que aprendeu ao longo dos anos. No livro, ela conta, por exemplo, como lidou com o fato de, aos 17 anos, ganhar cinco vezes mais dinheiro do que seus pais. Fala também da decisão de, no auge da carreira, posar para a Playboy

cindy-crawford2Cynthia Ann Crawford nasceu no dia 20 de fevereiro de 1966, na localidade de DeKalb, Illinois, Estados Unidos. Quando se dedicava às colheitas de milho num pequeno trabalho de verão, em 1982, um repórter fotográfico reparou na sua beleza e resolveu fotografá-la. Nesse mesmo verão — e no seguinte —, trabalhou como modelo para a Elite Model de Chicago, mas depois optou por se dedicar aos estudos universitários, na área de engenharia química. No início da carreira, recomendaram-lhe que retirasse o sinal que tem junto à boca por ser considerado inestético.

Contudo, recusou a sugestão e o sinal, depois, fez parte da sua imagem de marca. Trabalhou em Chicago até que o sucesso a levou a mudar-se para Nova York, onde residiu até 1996, quando se mudou para Los Angeles. Bastaram-lhe dois anos para começar a desfilar roupas dos mais conceituados costureiros e a ocupar as capas das mais importantes revistas de moda. Fez mais de quatrocentas capas em todo o mundo. Uma das mais famosas é da Vanity Fair de 1993. Nela, apareceu com a cantora lésbica KD Lang numa pose que chocou os mais conservadores. O sucesso alcançado lhe permitiu integrar o primeiro grupo de supermodelos, um escalão acima das top models. Em 1988, tornou-se a primeira supermodelo a aceitar posar para a revista masculina Playboy.

cindy-crawford1A experiência foi muito bem aceita pelo público e lhe valeu um contrato para se tornar a apresentadora do programa de moda House of Style, do canal musical MTV. Por essa época, também mostrou ter propensão para os negócios. Lançou uma série de calendários sensuais, videocassetes de fitness e um livro sobre maquiagem. Através da sua empresa, a Crawdaddy conseguiu contratos milionários com multinacionais como a Pepsi, a Kay Jewelers e a Revlon. Também passou a presidir a internacional de restaurantes Planet Hollywood. Tudo isso possibilitou que seu nome fosse incluído na lista das modelos mais bem pagas do mundo. Nesse mesmo ano estreou no cinema, como protagonista no filme Atração Explosiva. Seguiram-se: Unzipped (1995), Catwalk (1995), 54 (1998) e O Amor Na Palma da Mão (2001).




© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados