cruella1Cruella

31/05/2021 — Estreante nos cinemas brasileiros, o filme “Cruella” teve desempenho moderado nas bilheterias, embora tenha ficado no primeiro lugar no ranking dos mais vistos entre os dias 27 e 31. De acordo com os números do mercado cinematográfico, o longa-metragem levou 83.500 pessoas aos cinemas, o que rendeu no período R$ 1,600 milhão. Nos Estados Unidos, no mesmo período, o filme arrecadou US$ 26,5 milhões nas 3.892 salas em que foi exibido. Somando os mercados brasileiro, americano e mundial, a arrecadação totaliza US$ 42,6 milhões.

Ambientado na Londres dos anos de 1970 em meio à revolução do punk rock, a produção dos Estúdios Disney mostra a história de uma jovem vigarista chamada Estella (Emma Stone). Inteligente, criativa e determinada a fazer um nome para si através de desenhos de moda, ela acaba chamando a atenção da Baronesa Von Hellman (Emma Thompson), uma lenda fashion devastadoramente chique e assustadora. Entretanto, o relacionamento delas desencadeia um curso de eventos e revelações que farão com que Estella abrace o lado rebelde e se torne a Cruella, uma pessoa má, elegante e voltada para a vingança.

Nômade

21/01/2021 — Mesmo com os cinemas do Estado de São Paulo fechados em razão das restrições impostas pela pandemia, chegou às salas brasileiras autorizadas a funcionar o filme “Nomadland” (“Nômade”). Trata-se de um drama pungente envolvendo uma mulher de sessenta anos. Após perder tudo na crise econômica, a protagonista pega o veículo — uma van — e embarca numa jornada pelo Oeste Americano. Estrelado pela atriz Frances McDormand, o filme foi apresentado em 2020 no Festival de Veneza. Estreou mundialmente no dia 19 de fevereiro. Por causa da Covid-19, a bilheteria nos Estados Unidos está muito prejudicada. Mas a crítica recebeu com entusiasmo a produção. Recebeu seis indicações para o Oscar 2021, entre elas a de “melhor filme”.

oscar18Frances
FRANCES MCDORMAND nasceu no dia 23 de junho de 1957 na cidade de Chicago, Estado do Illinois, Estados Unidos. É uma das atrizes mais apreciadas pela crítica cinematográfica americana. Já recebeu seis indicações para o Oscar de melhor atriz e de melhor atriz coadjuvante pelos filmes “Mississipi Em Chamas” de 1989, “Fargo” de 1997, “Quase Famosos” de 2001, “Terrra Fria” de 2005, “Três Anúncios Para Um Crime” de 2018 e “Nômade” de 2020. Ganhou o prêmio de melhor atriz em 1997 e 2018. Começou a carreira em 1984 com o filme “Gosto de Sangue”, um drama criminal. Até 2020, são 68 trabalhos para o cinema e para a televisão. Para 2021, terminou a comédia dramática “O Despacho Francês” e o drama “A Tragédia do McBeth”.


No item found! Please check your config!

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados