escudo3Vascão

20/08/2020 — Quase rebaixado em 2019, atolado em dívidas e sem muitas novidades para este ano, o Vasco da Gama está surpreendendo todo mundo no início do Campeonato Brasileiro de 2020. Conseguiu a terceira vitória em três jogos. Em Fortaleza, na quarta rodada, impôs o sonoro placar de três a zero ao Ceará. Os gols foram marcados pelo centroavante Germán Cano, aos 68 minutos, pelo meia-atacante Fellipe Bastos, aos 78, e pelo atacante Ribamar Lopes nos acréscimos, aos 90+5. Esse desempenho dá ao time 100% de aproveitamento e a liderança do certame com nove pontos. Além disso, é a equipe com maior saldo de gols: seis. Os artilheiros marcaram sete vezes e a defesa sofreu apenas um gol.

Na quarta rodada, registrou-se a marcação de 26 gols, seis a mais (30%) em relação à rodada anterior. Também houve recorde no número de advertências pelo cartão amarelo. Foram 55 cartões, 14 a mais em relação aos da rodada anterior (34,1%). A partida mais indisciplinada  — Bragantino 2 x 1 Fluminense — teve dez cartões amarelos. Registraram-se também dois cartões vermelhos na rodada, um para o atacante William Potker, do Internacional, e outro para o atacante Yan Sasse, do Coritiba. No balanço geral do certame — 36 jogos — foram marcados 82 gols, registradas 166 advertências com o cartão amarelo e mostrados sete cartões vermelhos. Com três gols, cinco jogadores dividem a artilharia: Fellipe Bastos (Vasco), Germán Cano (Vasco), Marinho Costa (Santos), Nenê Carvalho (Fluminense) e Paolo Guerrero (Inter).

Resultados 4.ª rodada
Flamengo   1 x 1   Grêmio
Bragantino   2 x 1   Fluminense
Atlético PR   0 x 1   Palmeiras
Internacional   3 x 0   Atlético GO
Goiás   1 x 3   Fortaleza
Botafogo   2 x 1   Atlético MG
Corinthians   3 x 1   Coritiba
Sport   0 x 1   Santos
São Paulo   1 x 1   E. C. Bahia
Ceará   0 x 3   Vasco da Gama
             

20200821Destaque
20/08/2020 — O destaque da quarta rodada ficou com o técnico Ramon Menezes, do Vasco da Gama. Com um time mediano, conseguiu o primeiro lugar na classificação, com nove pontos em três jogos. RAMON MENEZES HUBNER começou a carreira como jogador nas categorias de base do Cruzeiro, onde se profissionalizou e ficou até 1993. Na carreira, passou por diversos clubes, com destaque para o Bayern Leverkusen, da Alemanha (1995-1996), Vasco (1996-2000, 2002 e 2006), Atlético Mineiro (2001-2002), Fluminense (2004), Botafogo (2005) e Atlético Paranaense (2007-2008). Disputou 760 partidas e marcou 226 gols. Encerrou a carreira em 2013. Nesse mesmo ano, começou a carreira de treinador no Joinville de Santa Catarina.


 

 


Classificação

 
01     ATLÉTICO MG     30
02     INTERNACIONAL     28
3 FLAMENGO 27
04     SÃO PAULO     26
05     FLUMINENSE     24
06     SANTOS F. C.     24
07     PALMEIRAS     22
08     FORTALEZA     21
09     SPORT RECIFE     20
10     VASCO DA GAMA     18
11     CEARÁ     18
12     ATLÉTICO GO     18
13     BOTAFOGO     18
14     GRÊMIO     17
15     ATLÉTICO PR     15
16     E. C. BAHIA     15
17     CORINTHIANS     15
18     CORITIBA     13
19     BRAGANTINO     12
20     GOIÁS     9
             

primeira rodada segunda rodada
terceira rodada  quarta rodada
quinta rodada  sexta rodada
sétima rodada oitava rodada
nona rodada Rodada 10 Rodada 11
Rodada 13  Rodada 14  Rodada 15


 


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados