thiago silva 20180627 servia1Sérvia 0 x 2 Brasil

27/06/2018 — Ao vencer a seleção da Sérvia por dois a zero, a seleção de futebol do Brasil classificou-se no primeiro lugar no Grupo E da Copa da Rússia, passando, assim, para as oitavas de final da competição. Os gols foram marcados pelo médio volante Paulino Maciel, aos 36 minutos, e pelo zagueiro Thiago Silva, 68. A atuação brasileira, de modo geral, foi aplaudida pela crítica esportiva. Desde os primeiros minutos os tupiniquins não deram descanso aos grandalhões balcânicos. Com sete pontos no grupo, o Brasil somou 77,8% de aproveitamento, resultantes de duas vitórias e um empate. Os atacantes marcaram cinco gols e a defesa sofreu um. O artilheiro é o meia-atacante Philippe Coutinho, com dois gols. A partida das oitavas será contra o México, na segunda-feira (2), às 11 horas.

Suíça 2 x 2 Costa Rica
27/06/2018 — A seleção da Suíça jogou para o gasto e empatou com a seleção da Costa Rica em dois a dois, resultado que garantiu a segunda vaga do Grupo E. Os gols suíços foram marcados pelo meia-atacante Blerim Džemaili, aos trinta minutos, e pelo atacante Josip Drmić, aos 87. O zagueiro Kendall Waston, aos 55, e o goleiro Yann Sommer, contra, nos acréscimos do segundo tempo, aos 90+2, marcaram para os costarriquenhos. No grupo, a Suíça terminou a primeira fase com cinco pontos. São 55,6% de aproveitamento, resultantes de uma vitória e dois empates. Os atacantes marcaram cinco gols e a defesa sofreu quatro. Na história das copas, esta é a décima primeira participação dos suíços. A melhor colocação aconteceu na Copa de 1954, quando foram os anfitriões: quartas de final.

grupo e classificacao3a

20180622 copa servia1Sérvia 1 x 2 Suiça
22/06/2018 — A vitória da seleção da Suíça sobre a seleção da Sérvia teve o condão de embolar o Grupo E. As duas seleções, mais o Brasil, têm chances matemáticas de classificação. No jogo, os sérvios saíram na frente com um gol do centroavante Aleksandar Mitrović aos cinco minutos. Na passagem do primeiro para o segundo tempo os suíços voltaram com tudo. Empataram a partida aos 52, através do meia-armador Granit Xhaka, e viraram aos 90 minutos, numa arrancada sensacional do atacante Xherdan Shaqiri. Com a vitória, a Suíça foi aos quatro pontos, fixando-se no segundo lugar no grupo. É a mesma pontuação do Brasil, mas perde no saldo de gols: um a dois. A Sérvia caiu para terceiro lugar, com três pontos, mas ainda tem chances de se classificar. Bastará uma vitória sobre os brasileiros na quarta-feira (27).

O Craque
XHERDAN SHAQIRI nasceu no dia 10 de outubro de 1991, na cidade de Gjilan, Kosovo, na antiga Iugoslávia. Meia-atacante, canhoto, com 1m69c, mas com incrível habilidade técnica, começou a jogar em 1999, num clube do seu país natal. Em 2009 foi contratado pelo Futebol Clube Basel, um dos principais da Suíca. Naturalizou-se em 2007, o que lhe possibilitou a primeira convocação para a seleção do país, na categoria sub-17. Em 2012 foi para o Bayern de Munique. Passou, ainda, pela Internazionale de Milão, Itália, até chegar, em 2015, ao Stoke City, da Inglaterra, onde se destacou na temporada 2017/2018. Na seleção principal da Suíça completou, diante da Sérvia, 71 partidas. Marcou 21 gols. Em clubes são 323 jogos e 58 gols.

neymar 20180622 costa rica1Brasil 2 x 0 Costa Rica
22/06/2018 — Ao desavisado, aquele que não pôde acompanhar o desenrolar da partida, pode parecer que os dois a zero impostos pela seleção do Brasil à seleção da Costa Rica foram fáceis. Mas os próprios momentos da marcação dos gols indicam o contrário: 90+1 e 90+7. Ou seja, nos acréscimos do segundo tempo. Os marcadores foram o Philippe Coutinho e o Neymar Júnior. Os brasileiros, durante o jogo, encontraram muitas dificuldades para furar o bloqueio dos costarriquenhos. Além disso, quando atingiam o gol adversário, encontraram uma muralha chamada Keylor Navas. A vitória colocou o Brasil na liderança do Grupo E, com quatro pontos e uma vantagem no saldo de gols sobre a Suíça. Para a classificação precisará apenas de um empate contra a Sérvia, na quarta-feira (27).

koralov 20180617 costa rica1Costa Rica 0 x 1 Sérvia
17/06/2018 — A seleção da Sérvia, para muitos a principal adversária da seleção brasileira no Grupo E da Copa do Mundo, venceu, na cidade de Samara, a representação da Costa Rica, por um a zero. O gol dos guerreiros balcânicos foi marcado pelo lateral Aleksandar Kolarov, aos 56 minutos, numa perfeita cobrança de falta. O placar poderia ter sido maior, não fosse a estupenda atuação do goleiro costarriquenho Keylor Navas, do Real Madrid. Com a vitória, os sérvios assumiram o primeiro lugar do grupo, com três pontos. Foram beneficiados pelo empate de um a um entre as seleções do Brasil e da Suíça. Quanto ao artilheiro do jogo, Koralov, ele é jogador da Associação Esportiva Roma, da Itália. Tem 32 anos. Fez 73 partidas pela seleção e marcou dez gols.

philippe coutinho 20180617 suica1Brasil 1 x 1 Suíça
17/06/2018 — A estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo foi decepcionante. A equipe não passou de um empate em um a um com a seleção da Suíça, na cidade de Rostóv. O gol do Brasil foi marcado pelo meia-atacante Philippe Coutinho, aos 19 minutos. O empate suíço teve como autor o centroavante Steven Zuber, aos 49 minutos. Entre os brasileiros, houve uma gritaria geral, pois, no entendimento, o suíço teria empurrado o zagueiro João Miranda, beneficiando-se do fato para cabecear para as redes. Noutro lance, o Gabriel Jesus teria sofrido pênalti. O árbitro César Ramos, do México, não aceitou as sugestões para consultar o árbitro de vídeo. O fato é que a seleção brasileira teve muitas dificuldades para jogar. Foi parada pela incrível disposição tática da equipe suíça. O próximo adversário será contra a Costa Rica, na sexta-feira (22).

20180618Personagem do jogo
CESAR ARTURO RAMOS PALAZUELOS, árbitro de futebol, nascido no dia 05 de dezembro de 1983, na cidade de Culiacán, Estado de Sinaloa, México. Estreou na carreira no dia 28 de outubro de 2006, numa partida da segunda divisão da liga mexicana. Chegou aos jogos da primeira divisão em janeiro de 2011. Chamou a atenção dos coordenadores da Federação Internacional em jogos da Confederação da América do Norte, Central e Caribe (Concacaf). Assim, em 2017, foi escalado para a Copa do Mundo de Clubes. Arbitrou duas partidas, sendo uma delas a final entre o Real Madrid e o Grêmio, com vitória do time espanhol por um a zero. No jogo entre o Brasil e a Suíça foi bastante contestado por não ter utilizado o recurso do árbitro de vídeo para dirimir dúvidas sobre dois lances capitais.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados