junior-fla ft1Leovegildo Júnior

01/05/1986 — O destaque da secção “20 Perguntas” da Playboy de maio de 1986 foi o craque do futebol Leovegildo Júnior, então jogador do Torino (Itália) e da seleção brasileira que iria disputar a Copa do México. Ele lembrou da derrota de 1982, falou de vinho, samba e dinheiro. A publicação o apresentou como “o mais frequentador, pagodeiro e compositor da Turma do Hidrante Azul, um boteco perto da praia, no Rio de Janeiro”. Sobre a seleção de 1982, descartou a tese de erro dos laterais: “Será que tomamos três gols da Itália por culpa dos laterais? Bem, Leandro e eu participamos de 80% dos gols que o Brasil marcou. E não levamos o último gol de contra-ataque, mas um gol de escanteio, que podia ser evitado. Naquele dia houve uma enorme coincidência de erros...”. Na Espanha, a seleção ficou com o quinto lugar.

junior-fla ft2Leovegildo Lins da Gama Júnior nasceu no dia 29 de junho de 1954, na cidade de João Pessoa, capital do Estado da Paraíba. Ainda adolescente, mudou-se para o Rio de Janeiro para perseguir o sonho de ser futebolista profissional. Começou nas categorias de base do Clube de Regatas do Flamengo até se profissionalizar em 1974. Ambidestro e polivalente, jogava tanto como meia-defensivo quanto como lateral. No time carioca, ficou até 1984, quando se transferiu para o Torino Football Club, da cidade de Turim, Itália. Nos anos em que ficou por lá, tornou-se ídolo da torcida.

De 1987 a 1989, defendeu o Pescara Calcio, também na Itália. Retornou para o Brasil em 1989 para jogar novamente no Flamengo. Encerrou a carreira em 1993. Pela seleção brasileira, jogou entre 1979 e 1992. Foram 88 partidas e oito gols marcados. Teve, entre 1993 e 2003, experiências como treinador no próprio Flamengo e no Corinthians, mas não seguiu em frente. No total (tirando a seleção), participou de 1.005 partidas, 857 delas pelo Flamengo. Oficialmente, marcou 99 gols na carreira. Conquistou seis campeonatos cariocas e quatro brasileiros. Pela seleção, disputou as copas do mundo da Espanha (1982) e do México (1986). É contratado da Rede Globo para comentar os jogos do Campeonato Brasileiro que envolvam times cariocas.


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados