Aposentados & Reajuste

10/12/2018 — Os aposentados e os pensionistas que recebem mais de um salário mínimo terão reajuste de 2,07%, informou o Ministério da Fazenda. O reajuste atende à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor em 2017, anunciado IBGE. O índice, que mede a variação de preços para famílias que ganham de um a cinco salários mínimos, registrou variação menor que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, que fechou o ano passado em 2,95%. Com o reajuste, o teto das aposentadorias passará de R$ 5.645,80 para R$ 5.832,21. Quem ganha R$ 1.200,00 passará a receber R$ 1.239,60, quem recebe R$ 1.500,00 chegará a R$ 1.549,50, um benefício de R$ 2 mil subirá para R$ 2.066 e quem recebe R$ 3 mil vai sacar R$ 3.099.

carteira trabalho2Correios & Trabalho
04/12/2018 — O Ministério do Trabalho, que, no Governo Bolsonaro, se desdobrará em três secretarias especiais, começou o processo de descentralização da emissão da Carteira Profissional. Essa descentralização, se tudo der certo, acontecerá através da Empresa de Correios. O projeto-piloto começou esta semana nas agências das cidades de Presidente Prudente e São Bernardo do Campo. Após a conclusão dessa fase inicial, será avaliada a possibilidade de extensão do acordo para todo o país. A iniciativa decorre do fato de que a empresa de Correios está presente em todos os municípios do Brasil (5.570), com mais de sete mil agências. Na Carteira Profissional são registrados todos eventos ocorrentes nas relações de trabalho da pessoa com as empresas empregadoras.

Bolsa Família
01/12/2018 — O Ministério do Desenvolvimento Social repassou aos estados e municípios mais de R$ 2,6 bilhões referentes aos benefícios do Bolsa Família em novembro. Foram beneficiadas 14,2 milhões de famílias. O valor médio do benefício no mês onze foi de R$ 187,32. O que cada beneficiário recebe varia conforme o número de membros da família, a idade de cada um e a renda declarada ao Cadastro Único do Governo Federal. Em novembro, 321,8 mil famílias começaram a receber benefícios pagos pelo programa. Os recursos ficam disponíveis para saque, na Caixa Econômica Federal, por um período de três meses. Para o Estado de São Paulo, foram repassados R$ 268,1 milhões para 1.593.858 famílias.

mel1Mel & Arábia
21/11/2018 — O Ministério da Agricultura recebeu comunicado de que as autoridades sauditas aprovaram o modelo de Certificado Sanitário Internacional  para a exportação de produtos apícolas. Agora, as autoridades brasileiras vai enviar a lista de estabelecimentos brasileiros que desejam exportar  mel, propólis, cera para aquele país, de acordo com as exigências do certificado assinado. As importações mundiais de produtos derivados das abelhas totalizaram US$ 1,92 bilhão em 2017. Com exportações de US$ 128,1 milhões no ano passado, o Brasil alcançou participação de 6,7% nesse segmento do mercado global. A Arábia Saudita importou US$ 66,44 milhões desses produtos em 2017. Com a abertura de mais esse mercado, a estimativa os apicultores brasileiros é exportar US$ 4,43 milhões.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados