christian hahnemannChristian Hanemann

CHRISTIAN FRIDRICH SAMUEL HAHNEMANN nasceu no dia 10 de abril de 1755, na cidade de MeissenEstado da SaxôniaAlemanha. Morreu no dia 02 de julho de 1843, na cidade de ParisFrança. Estudou medicina nas cidades de Leipzig e Viena. Depois de formado, estabeleceu-se em Leipzig. Em 1790, quando traduzia a obra “Matéria Médica”, do cientista britânico William Cullen para o alemão, surpreendeu-se com a constatação de que os sintomas produzidos pelo quinino num corpo saudável eram os mesmos que ele costumava curar.

Essa observação o levou à Lei dos Similares, em que as doenças podem ser tratadas com as drogas que produzem sintomas similares num estado de saúde. Em 1800, revelou que as drogas deveriam ser ministradas nas menores doses possíveis, pois isso aumentava o poder de cura delas. Seu trabalho mais importante, o livro “Organon: A Arte de Curar”, lançado em 1810, contém a exposição do seu sistema, ao qual deu o nome de “homeopatia”. Essa teoria causou surpresa à classe médica, que, inicialmente, o considerou um charlatão. Mas, com o tempo, a obra tornou-se um clássico.

Em Leipzig, como ele mesmo fabricava os seus remédios, os farmacêuticos se uniram aos médicos para persegui-lo. Para se defender, usou uma coluna do jornal local, em que expunha didaticamente o seu método. Ma os inimigos não desistiram: pressionaram-no até que ele deixasse a cidade. A homeopatia estava proibida na Áustria, na Hungria e na Prússia, mas, com a multiplicação das suas curas, foi fácil fazer novos amigos nesses países. Na cidade de Cöthen, na Alemanha, dedicou-se a formar novos discípulos e classificou as suas anotações. Em 1835, mudou-se para Paris, conquistando a capital francesa com sua grande consciência profissional e com algumas curas espetaculares. Passou para a história da ciência como o precursor da medicina racional.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados