Franca & Santa Casa

04/03/2019 — A Prefeitura de Franca repassou à Santa Casa em fevereiro o valor de R$ 3.478.480,45, segundo ordens de pagamentos publicadas no Portal da Transparência Municipal. Esses valores se referem a vários convênios, entre os quais o atendimento nas áreas da internação hospitalar (alta complexidade) e a atendimento ambulatorial especializado (média complexidade). No acumulado de janeiro e fevereiro, a Santa Casa já recebeu do município R$ 3.868.529,73. Esse valor é 66,9% no comparativo com os dois primeiros meses de 2018, quando os repasses marcaram R$ 2.316.575,75. Além dos recursos municipais, o hospital de referência recebeu do Governo do Estado a quantia de R$ 4.939.230,00. Esses recursos fazem parte do convênio de administração dos ambulatórios de especialidades médicas (AME) de Franca e Taquaritinga.

Lucro 2018
22/02/2019 — A Fundação Civil Santa Casa de Misericórdia de Franca obteve lucro líquido de pouco mais de três milhões de reais no exercício de 2018. A informação consta do balanço publicado pela entidade no Diário Oficial do Município. O resultado financeiro é 389,7% maior do que o verificado no exercício de 2017, quando o superávit da entidade registrou R$ 614,9 mil. Com esse desempenho, o patrimônio líquido cresceu 19,2% na mesma base de comparação. De R$ 15,6 milhões em 2017, foi para R$ 18,6 milhões em 2018. As receitas auferidas em 2018, de R$ 161,7 milhões, cresceram 5,85% em relação a 2017, quando marcaram R$ 152,8 milhões. Na parte de atendimento, o balanço da Santa Casa informa que, no ano passado, o hospital realizou 19.001 internações, sendo 96%, pelo Sistema Único de Saúde. No ambulatório, foram 480.499 atendimentos, sendo 87% pelo SUS.

Subvenção
01/12/2018 — No apagar das luzes de 2018, a Prefeitura de Franca destinou mais R$ 3,1 milhões à Fundação Santa Casa de Misericórdia de Franca. A autorização para o repasse veio da Câmara de Vereadores. A origem dos recursos é do próprio Poder Legislativo, que não consumiu na totalidade o valor previsto no orçamento para 2018, de R$ 13,5 milhões, e resolveu premiar o hospital de referência, ao invés de devolver o dinheiro ao Poder Executivo. De acordo com o projeto de lei aprovado, os recursos deverão ser usados em despesas de custeio, no pagamento de funcionários e fornecedores. Em 2018, a instituição recebeu do município o total de R$ 15,9 milhões, conforme publicado no Portal da Transparência. Em 2017, de janeiro a dezembro, foram R$ 16.224.727,20.

Mês a Mês 2018
0.364.717,29  JANEIRO
1.951.858,46  FEVEREIRO
1.615.343,50  MARÇO
0.315.552,26  ABRIL
1.700.174,13  MAIO
1.676.095,16  JUNHO
0.315.552,26  JULHO
0.487.375,55  AGOSTO
0.456.836,22  SETEMBRO
1.817.315,45  OUTUBRO
1.570.301,61  NOVEMBRO
3.663.559,86  DEZEMBRO


 

 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados