mercedess63 in123 de maio de 2012
linha-gif

Por Rodrigo Machado, da Auto Press

A indústria automotiva, como qualquer outra, quer vender é ter lucros — quanto mais polpudos, melhor. Mas não é só isso. As grandes marcas de automóveis também criam modelos que servem apenas para exibir as suas capacidades técnicas. Assim surgem carros de nicho, como cupês e conversíveis, por exemplo. Modelos que vendem pouco, mas espalham prestígio por toda a linha. A Mercedes-Benz tem no alto de sua gama um belo exemplo disso. A S63 L AMG é a união de um sedã grande, lotado de requinte e com um motor de avassaladores 571 cv. Como nessa atitude de mercado não há concessões, esportividade e luxo são elevados ao mais alto nível. E isso tem um preço. Na tabela, na linha as S63 L AMG aparece 419, 9 mil dólares – ou quase R$ 840 mil. Mas não é mesmo para vender. Ela foi criada com o único propósito de ser vitrine de tecnologia. É quase um delírio de engenheiro. Tanto que cada motor da Classe S da AMG é assinado por um deles – o que supervisionou a construção do motor do início ao fim.

mercedess63 in2E um sonho dos mais ambiciosos. A começar pela parte mais importante em um carro desenvolvido com a ajuda da AMG (divisão esportiva da Mercedes), o trem de força. A S 63 foi renovada mundialmente no final de 2010 e teve como principal mudança o motor. O downsinzing chegou até nos modelos de desempenho mais superlativo. Saiu de linha o antigo V8 6.2 aspirado para a chegada de um V8 5.5 biturbo. A intenção foi deixar o supersedã mais eficiente e veloz de uma só tacada. E, pelo menos nos números, deu certo. A potência subiu de 531 para 544 cv enquanto o consumo caiu 25% de acordo com a marca, muito por causa do sistema Start/Stop, da série. A Mercedes ainda disponibiliza o chamado AMG Performance Pack, que deixa a mistura ainda mais picante. Assim, o propulsor passa a desenvolver 571 cv e 91,7 kgfm de torque, graças à mudança da pressão do turbo para 1.3 bar. Os 2.170 kg são empurrados até os 100 km/h em 4,4 segundos e a limitação eletrônica impede que supere 300 km/h.

A transmissão também ficou mais moderna graças ao preparo da AMG. Em essência, ela é a mesma automática de sete velocidades que equipa outros carros de passeio da marca. Entretanto, o conversor de torque foi removido e deu lugar a sistema de multiembreagens. Segundo a preparadora, isso reduz a perda de força comum aos conversores de torque. O conjunto consegue realizar trocas em 0,1s. Para segurar tanta vitalidade, a divisão esportiva da Mercedes também deu uma ajuda na estrutura do sedã. A suspensão tem o Active Body Control, controle ativo de distribuição de peso. Essa função permite que o computador central compense forças transversais no carro através dos amortecedores variáveis e diminua a rolagem de carroceria. Nas curvas, o sistema ainda freia a roda traseira de dentro para melhorar o raio de giro e a precisão da manobra. A direção elétrica tem relação variável.

mercedess63 in3O resto é típico de uma Classe S topo de linha. Ou seja, muito luxo e uma vasta quantidade de equipamentos. A versão de entre-eixos alongada em 15 cm aumenta ainda mais o espaço na traseira. Entre os itens de segurança, a S63 L recebe nove airbags frontais, laterais dianteiros e traseiros, de cortina e de joelho para o motorista, pré-safe (sistema que prepara o carro para uma eventual colisão, com vistas a reduzir os danos), detector de fadiga, câmera de visão noturna, faróis bi-xenônio, detector de ponto cego e um monitor de faixa de rolagem.

Também não faltam ar condicionado de quatro zonas, sistema de auxílio de estacionamento, telas para entretenimento traseiro e visor dianteiro, que permitem que motorista e passageiro assistam a duas coisas diferentes ao mesmo tempo. O interior tem acabamento com uma mistura de black piano e alumínio escovado e os bancos são de couro com bolsas infláveis para se ajustar ao corpo dos ocupantes. Os quatro assentos podem ser aquecidos ou refrigerados e contam com massageadores individuais. O console central ainda é feito de fibra de carbono. Quase como um lembrete da ferocidade abrigada sob a estrela de três pontas no capô.

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados