andrada-machado in1Andrada Machado
linha-gif

ANTÔNIO CARLOS RIBEIRO DE ANDRADA MACHADO E SILVA nasceu no dia 1.º de janeiro de 1773, na cidade de Santos, São Paulo. Morreu no dia 5 de dezembro de 1845, na cidade do Rio de Janeiro.

Irmão de José Bonifácio, patriarca da independência, e de Martim Francisco, ministro da Fazenda em dois períodos na era imperial. Estudou na Universidade de Coimbra, Portugal, formando-se em Matemática, Filosofia e Direito. De volta ao Brasil, foi nomeado paras o cargo de ouvidor e corregedor da Comarca de Olinda. Ali se envolveu no movimento republicano que eclodiu em Pernambuco, em 1817. Por isso, foi preso e levado para a Bahia. Depois de solto, foi um dos deputados brasileiros nas cortes de Lisboa, em 1821, onde defendeu a autonomia do Brasil, ao se recusar a assinar a constituição do Reino de Portugal, que rebaixava o Brasil à situação de colônia.

Eleito para a Assembleia Constituinte de 1823, liderou o grupo radical, em franca oposição ao Imperador Dom Pedro I. Preso novamente, foi deportado junto com os dois irmãos para a França, onde permaneceu por cinco anos. De volta ao Brasil em 1828, esteve comprometido com o movimento que pretendia o regresso de Dom Pedro I, após sua abdicação. Foi um dos chefes da campanha parlamentar pela maioridade de Dom Pedro II. Nesta condição, apresentou o projeto de lei específico declarando o imperador “maior desde já” (21 de julho de 1840). Após o fato consumado, foi convidado — e aceitou — integrar o ministério do Segundo Reinado. Assumiu a pasta de Ministro do Império, semelhante ao cargo de primeiro-ministro tal qual se conhece hoje. Em 1845 elegeu-se senador pela Província de Pernambuco.

 

 


© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados