hannah p1Hannah

13/08/2018 — A veterana Charlotte Rampling está nos cinemas brasileiros com o drama “Hannah”. A personagem é uma mulher da terceira idade que se divide entre as aulas de teatro, a natação e o trabalho como empregada doméstica. Quando o marido vai preso, ela não tem alternativa a não ser a solidão. Tenta, então, refazer laços perdidos com descendentes, mas há um segredo na família que dificulta o relacionamento dela com outras pessoas. O desempenho da britânica no filme lhe rendeu, em 2018, o prêmio Coppa Volpi de melhor atriz no Festival de Cinema de Veneza. Aliás, ela é uma das atrizes mais aclamadas pela crítica. Em 2015, pelo desempenho no filme “45 Anos”, ganhou o Urso de Prata de melhor atriz, no Festival de Cinema de Berlim.

Charlotte

TESSA CHARLOTTE RAMPLING nasceu no dia cinco de fevereiro de 1946, na cidade de Stumer, Condado de Essex, Inglaterra, Reino Unido. Filha de um coronel do exército britânico, estudou em colégios particulares, nos quais desenvolveu o interesse pela arte cênica. Com dezessete anos, começou a carreira como modelo, fazendo comerciais para a televisão. Chamou a atenção dos produtores de cinema, sendo convidada, em 1964, para uma participação não creditada no filme “Os Reis do Iê-Iê-Iê”, com os integrantes do conjunto The Beatles. A estreia foi boa, o que lhe deu um papel de destaque na comédia “Georgy, Uma Feiticeira”, lançada em 1966. A primeira protagonista veio em 1968, no suspense “Resgate de Uma Vida”, no qual contracenou com o astro Franco Nero. O reconhecimento da crítica mundial aconteceu em 2015 com a indicação para o Oscar de melhor atriz, pelo drama “45 Anos”. No total na carreira, até 2018, registra 127 créditos. Na época da juventude, posou para a Playboy.


 

Atrizes inglesas

UP TOGGLE DOWN

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados