Imprimir
Categoria: Físicos
Acessos: 2630

Amici

GIOVANNI BATTISTA AMICI, físico, matemático e astrônomo, nasceu no dia 25 de março de 1786, na cidade de Modena, ItáliaMorreu no dia 10 de abril de 1863, na cidade de FlorençaApós seus estudos em Bolonha, tornou-se professor de matemática na cidade de Modena. Em 1831, assumiu o cargo de inspetor-geral de educação do ducado. Alguns anos mais tarde, foi escolhido para dirigir o Observatório Astronômico de Florença. Paralelamente, ministrou conferências no Museu de História Natural da cidade. Construtor de instrumentos científicos, destacou-se pela invenção da lente da chamada objetiva de imersão. Teve a ideia de mergulhar a lente da objetiva num líquido que tivesse aproximadamente o mesmo índice de refração do vidro que protege o objeto a ser observado.

Obteve, assim, o máximo aumento possível com o microscópio óptico: distinguir pontos separados pela distância de 15 microns (milésimos de milímetros). Essa descoberta fez desaparecerem todas as dúvidas sobre as possibilidades de pesquisas com o microscópio. Usando-o, o cientista demonstrou a existência da fecundação nas plantas. É reconhecido pelas observações astronômicas das estrelas binárias, dos satélites naturais do Planeta Júpiter e pela medida dos diâmetros polares e equatorial do sol. A Cratera Amici na Lua foi batizada em sua honra. Foi o inventor do dipleidoscópio, um instrumento usado para determinar o meio-dia. Consiste em um pequeno telescópio óptico e um prisma que cria uma imagem dupla do sol. Quando as duas imagens se sobrepõem determina-se o meio-dia verdadeiro.

giovanni-amici in1