bhaskara-acharya ft1Bhaskara Acharya

BHASKARA ACHARYA nasceu em dia e mês incertos do ano de 1114, na cidade de Vijayapura, Índia. Morreu em dia e mês incertos do ano de 1185, na cidade de Ujjain. Nasceu numa família de astrólogos tradicionais. Esse fato o encaminhou desde cedo para a matemática e para a astronomia. Foi professor dos maiores matemáticos do século XII. Sucedeu ao Brahmagupta na chefia de um observatório astronômico em Ujjain. Chamado de “o mestre”, escreveu, em versos, um tratado sobre ciências matemáticas e astronômicas.

Dessa obra, quatro partes foram traduzidas e editadas em Londres, Inglaterra, em 1817. A primeira parte, chamada “Lilavati” — nome da filha, a quem foi dedicada —, é a mais antiga obra conhecida que traz uma exposição sistemática com base na numeração decimal. A segunda parte — “Bija Ganita” — consiste numa exposição das regras de álgebra, em que, pela primeira vez, aparecem os símbolos até hoje utilizados em matemática, como, por exemplo, o “x”. Ele anunciou, também, as regras gerais de aritmética, progressões aritméticas, equações simultâneas e quadráticas, além de algumas fórmulas de geometria. Deixou seis obras para a posteridade: “Siddhantasiromani” (assuntos astronômicos), “Lilavati” (numeração decimal), “Bija Ganita” (tratado sobre álgebra), “Vasanabhasya de Mitaksara”, “Karanakutuhala ou Brahmatulya” e “Vivarana”.


 

bhaskara-acharya formula1


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados