Adib Jatene

14/11/2014 — O cardiologista e ex-ministro da saúde Adib Jatene, um dos maiores nomes da medicina no Brasil, morreu, aos 85 anos. O médico estava internado desde 22 de setembro no Hospital do Coração (HCor), do qual era diretor-geral, após sofrer um infarto. Ele foi o primeiro médico a realizar a cirurgia de ponte de safena no país e desenvolveu o primeiro coração-pulmão artificial do mundo, fato ocorrido no Hospital das Clínicas de São Paulo, em 1958. O cardiologista também criou uma técnica para corrigir artérias de bebês, a qual ficou conhecida como Cirurgia de Jatene.

a-jatene1

O ex-ministro já havia sofrido um ataque cardíaco em 2012. Após recuperar-se, escreveu um depoimento à revista VEJA São Paulo no qual relatou ter diagnosticado o seu próprio infarto. Nascido no dia 4 de junho de 1929 em Xapuri, no Acre, foi criado na cidade mineira de Uberaba. Formou-se em medicina no ano de 1953 na Universidade de São Paulo, onde se tornou professor emérito. Ocupou três cargos públicos: foi ministro da saúde dos governos Fernando Collor e Fernando Henrique Cardoso e secretário da saúde de São Paulo na gestão de Paulo Maluf. Durante o mandato de FHC, foi responsável pela implantação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) para aumentar a arrecadação na saúde pública.


 

Medicina

UP TOGGLE DOWN

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados