20210126aMacArthur

DOUGLAS MACARTHUR nasceu no dia 26 de janeiro de 1880 na cidade de Pequena Rocha (Little Rock), Estado do Arkansas, Estados Unidos. Morreu no dia cinco de abril de 1964 na cidade de Washington, Distrito Federal. Filho de um general que servira na Guerra Civil Americana, frequentou a Academia Militar do Ponto Oeste (West Point), formando-se em 1903 como oficial superior do corpo de cadetes. Serviu nas Filipinas e em países do extremo oriente, inclusive a Coreia em 1905. Durante a Primeira Guerra Mundial ocupou diversos postos até ser nomeado comandante da 42.ª Divisão do Exército.

Depois do conflito encarregou-se do setor americano ao longo do Rio Reno. Entre 1919 e 1922 esteve no cargo de superintendente da Academia Militar dos Estados Unidos. Entre 1928 e 1935 esteve no cargo de comandante nas Filipinas, condição em que participou das tratativas para a independência política daquele país asiático. Em 1936 conseguiu a promoção para marechal-de-campo. Serviu nas Filipinas até a aposentadoria no exército em 1937. Quatro anos depois chamaram-no para voltar à ativa para comandar as tropas americanas em combate contra o Japão durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1942 recebeu o comando das forças aliadas no Oceano Pacífico, iniciando a ofensiva contra os japoneses.

O trabalho dele à frente dos aliados culminou com a vitória em 1945. Recebeu a rendição do Japão no dia dois de setembro daquele ano a bordo do navio Missouri. A seguir assumiu o comando das forças de ocupação. Nos cinco anos seguintes supervisionou a reconstrução do Japão e o estabelecimento de uma forma democrática de governo no país. Quando as tropas comunistas da Coreia do Norte invadiram a Coreia do Sul em 1950, recebeu o comando das tropas das Nações Unidas na região. No ano seguinte, porém, entrou em conflito com o presidente Harry Truman, sendo, assim, demitido do cargo. Numa audição pública no Senado Federal, explicou a política empreendida no tempo em que ficou na Ásia. A vida do MacArthur foi contada no cinema em 1967 no filme homônimo, em 2012 no filme “Imperador” e em 2016 no filme “Operação Chromite”.


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados