Arriaga

MANUEL JOSÉ DE ARRIAGA BRUM DA SILVEIRA PEYRELONGUE nasceu no dia oito de julho de 1840, na cidade de Horta, Arquipélago dos Açores, Portugal. Morreu no dia cinco de março de 1917, na cidade de Lisboa. Passou para a história como o primeiro presidente da república do seu país. Governou no período de 25 de agosto de 1911 a 29 de maio de 1915. Antes de enveredar pela política, trabalhou como advogado, professor universitário e escritor. É considerado uma das figuras mais proeminentes do republicanismo português, movimento que se opôs à implantação de uma monarquia constitucional no país. Filho de uma família de posses da Ilha do Faial, do Arquipélago dos Açores, após terminar o ensino médio, rumou para a cidade de Coimbra para estudar Ciências Jurídicas.

Formado em 1865, fixou-se como advogado na cidade de Lisboa. Iniciou a carreira na vida pública em 1876 ao ser nomeado vogal da Comissão Para a Reforma da Instrução Secundária. No mesmo ano, participou da primeira eleição, mas não conseguiu se eleger deputado das cortes de Lisboa. Mas, em 1882, conseguiu se eleger deputado republicano, representando a Região da Madeira. Logo, sua condição intelectual o elevou à liderança do Partido Republicano Português. Com a implantação da república em 1910, foi nomeado reitor da Universidade de Coimbra. Em 1911, voltou à câmara como deputado constituinte. Em agosto do mesmo ano, elegeu-se presidente da república. Governou até 1915, quando renunciou por causa de conflitos com membros do próprio partido. Publicou em 1916 uma autobiografia, considerada um testamento da sua ação política.

20200708a


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados