dinheiro frontal1Receitas

26/01/2021 — As receitas líquidas da Prefeitura de Franca em janeiro de 2021 registraram R$ 138,6 milhões. Esse valor é 14,7% maior do que registrado em janeiro de 2020, quando entraram nos cofres públicos locais R$ 120,9 milhões. As principais receitas auferidas no primeiro mês do ano foram as próprias — IPTU, ISS, ITBI, taxas, etc. —, na base de R$ 70,5 milhões ou 50,9% do total. No segundo lugar aparecem as transferências correntes — Fundeb, FPM, ICMS, IPVA, etc. —, na base de R$ 62,4 milhões (45%). As receitas extraordinárias carimbaram R$ 5,050 milhões (3,64%).

Número inteiro
138.583.112,56

Por rubrica
70.525.792,49  receitas próprias
62.391.899,86  transferências
05.049.622,20  extraorçamentárias
00.318.602,21  outras correntes
00.170.947,09  patrimoniais
00.110.499,37  de capital
00.015.535,99  amortizações
00.000.213,35  alienação de bens

2020
30/01/2021 — A Prefeitura de Franca informou que as receitas realizadas no mês de dezembro de 2020 registraram R$ 76,4 milhões. O valor é 39,4% maior do que o verificado no mês anterior. Em novembro, a arrecadação alcançou R$ 54,8 milhões. Na comparação anual — dezembro de 2020 vs. dezembro de 2019 — a queda na arrecadação carimbou -3,90%. Em dezembro do ano passado, as receitas marcaram R$ 79,2 milhões. Houve uma diferença negativa de -R$ 3,1 milhões.

Essas quedas se devem muito ao fim da ajuda emergencial que o Governo Federal vinha dando desde maio por causa da pandemia do coronavírusNo acumulado dos doze meses de 2020, as receitas de Franca somam R$ 832,3 milhões. No mesmo período de 2019 foram R$ 773,3 milhões. A diferença positiva de R$ 59 milhões representa acréscimo de 7,63% na comparação dos doze meses de cada ano, quase duas vezes mais o índice da inflação oficial que, no mês, ficou em 4,52%. Em 2020, as maiores receitas de Franca vieram das transferências estaduais (ICMS e IPVA) e federais (Fundeb, FPM, Saúde, etc.), ambas na base de R$ 502,7 milhões ou 60,4% do total. No segundo lugar aparecem as receitas próprias (IPTU, ISS, etc.), com R$ 246 milhões ou 29,5% do total. As transferências extra-orçamentárias do período registraram R$ 60,5 milhões ou 7,27% do total.

 


 

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados