banner-topo

Federação Internacional indica o brasileiro Thiago Braz para o prêmio de melhor do ano

20161024 bandeiraThiago Braz

18/10/2016 — Medalhista de ouro no salto com vara nos Rio-2016, o brasileiro Thiago Braz foi indicado para o prêmio de atleta do ano da Associação Internacional das Federações de Atletismo. O saltador terá como concorrente, entre os homens, a lenda da modalidade: o velocista jamaicano Usain Bolt, que conquistou o triplo tricampeonato em três provas, nos últimos três jogos — Pequim, Londres e Rio. A votação foi aberta na internet. Pelo sistema de votação, o peso dos votos do conselho da IAAF representa 50% do resultado final, enquanto atletas e dirigentes representam 25% e o público conta com outros 25% na contagem. A consulta termina no dia 01/11/2016, quando os três finalistas masculinos e femininos serão anunciados.

20160818 rio16Jogos Rio-16
15/08/2016 — O brasileiro Thiago Braz, de 22 anos, conquistou um ouro histórico no salto com vara. Com uma atuação impecável, o atleta bateu o francês Renaud Lavillenie, atual recordista mundial da modalidade (6,16 m) e campeão em Londres-2012, que ficou com a prata. O americano Sam Kendricks levou o bronze. Thiago conquistou a segunda medalha de ouro do Brasil nos Rio-2016 ao fazer o melhor salto de sua carreira: 6,03 metros. O resultado garantiu ainda o recorde olímpico para ele. Emocionado, o atleta comemorou enrolado na bandeira do Brasil e foi ovacionado pelo público no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro. Esta foi a primeira medalha do atletismo brasileiro desde o ouro de Maurren Maggi no salto em distância em Pequim-2008.

20160818 rio16aThiago Braz da Silva
Nasceu no dia 16 de dezembro de 1993, na cidade de Marília, São Paulo. Começou no atletismo com 14 anos, treinando e competindo pelo Clube dos Bancários de Marília. Depois, se transferiu para a cidade de Bragança Paulista, pela qual passou a disputar os jogos regionais e os jogos abertos do interior. A primeira competição internacional aconteceu em 2009, quando conquistou a medalha de bronze no Campeonato Sul-Americano Juvenil. Neste ano foi, também, campeão brasileiro juvenil. Em 2010, ganhou a medalha de prata nos Jogos Olímpicos da Juventude, realizados cidade de Cingapura. No ano seguinte, faturou a medalha de ouro no Mundial Júnior de Barcelona, Espanha. No início de 2016, já em preparação para os Rio 16, ganhou a medalha de ouro do Meeting de Leverkusen, Alemanha.



© 2013 Tio Oda - Todos os direitos reservados