Vítor Brecheret
vitor-brecheret ft3

VÍTOR BRECHERET nasceu no dia 15 de dezembro de 1894, na cidade de Farnese, Lácio, Itália. Morreu no dia 17 de dezembro de 1955, na cidade de São Paulo. Com dez anos de idade, migrou para o Brasil, fixando residência na capital paulista. Realizou os primeiros estudos no Liceu de Artes e Ofícios. Nessa época, era, antes de tudo, um artesão, executando obras de teor clássico e romântico. Em 1913, transferiu-se para Roma, onde permaneceu durante seis anos. Depois de conhecer a cidade de Paris, França, voltou, em 1919, para São Paulo. No ano seguinte, criou a medalha comemorativa do primeiro centenário da independência do Brasil. O governo paulista lhe encomendou também o projeto do Monumento às Bandeiras, executado no Parque do Ibirapuera.

Em 1921, subvencionado ainda pelo poder público, seguiu para Paris, onde obteve o prêmio no Salão do Outono, com a escultura “Templo da Minha Raça”. Depois, suas obras estiveram presentes na exposição plástica que acomanhou as atividades da Semana de Arte Moderna, em 1922. Nessa fase, ainda na Europa, passou a expressar sua obra com manifestações vindas do construtivismo, do expressionismo e do cubismo. De volta ao Brasil, participou da Sociedade Pró-Arte Moderna, fundada em 1932. Foi considerado pela crítica o melhor escultor nacional da primeira Bienal de São Paulo, realizada em 1951. Em sua fase mais madura, procurou realizar experimentos estéticos que ligavam a escultura vernacular indígena brasileira com as experiências que desenvolveu na Europa.


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados