ken-loach cannes16Eu, Daniel Blake

22/05/2016 — “I, Daniel Blake”, dirigido pelo Ken Loach, foi o ganhador da Palma de Ouro do 69.º Festival de Cannes. É o segundo troféu do cineasta inglês, de 79 anos, que venceu em 2006 com “Ventos da Liberdade”. O Grande Prêmio do Júri foi para “Juste la Fin du Monde”, do Xavier Dolan, canadense de 27 anos. O francês Olivier Assayas e o romeno Cristian Mungiu dividiram o troféu de melhor direção. A melhor atriz foi a filipina Jaclyn José, por “Ma'Rosa”. O iraniano Shahab Hosseini foi escolhido o melhor ator por “Forushande”. “American Honey”, de Andrea Arnold, venceu o prêmio do júri. Ken Loach começou a carreira em 1964. O “Eu, Daniel Blake” é o seu 41.º filme.

ken-loach inicioKENNETH LOACH nasceu no dia 17 de junho de 1936, na pequena cidade de Nuneaton, Warwickshire, Inglaterra, Reino Unido. Sua cidadezinha natal foi uma das mais devastadas pela Segunda Guerra Mundial. Por isso, teve de sair de lá ainda criança. Estudou direito na Universidade de Oxford, onde começou a tomar contato com as artes cênicas. Começou a carreira como diretor teatral. Em 1961, foi contratado para trabalhar como assistente de direção da rede ABC de televisão. Posteriormente, transferiu-se para a BBC. No cinema, começou dirigindo curtas metragens e filmes especialmente feitos para a TV. Seu primeiro longa-metragem — “Poor Cow” — foi lançado em 1967. No Brasil, recebeu o título de “A Lágrima Secreta”. Embora não tenha tido boas bilheterias, foi bem recebido pela crítica.

Principais Filmes
1967 — A Lágrima Secreta (“Poor Cow”)
1969 — Kes (idem)
1971 — Vida Em Família (“Family Life”)
1980 — O Vigia (“The Gamekeeper”)
1990 — Agenda Secreta (“Hidden Agenda”)
1993 — Chuva de Pedras (“Raining Stones”)
1995 — Terra e Liberdade (“Land and Freedom”)
1996 — Uma Canção Para Carla (“Carla's Song”)
1998 — Meu Nome É Joe (“My Name Is Joe”)
2000 — Pão e Rosas (“Bread and Roses”)
2002 — Felizes Dezesseis (“Sweet Sixteen”)
2006 — Ventos da Liberdade (“The Wind That Shakes the Barley”)
2009 — À Procura de Eric (“Looking for Eric”)
2010 — Rota Irlandesa (“Route Irish”)
2012 — A Parte dos Anjos (“The Angels' Share”)
2013 — O Espírito de 45 (“The Spirit of '45”)
2016 — Eu, Daniel Blake (“I, Daniel Blake”)


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados