banner-topo

Ken Follett, o grande best seller galês do livro “O Buraco Na Agulha”

ken-follett ft1Ken Follett

Kenneth Martin Follett nasceu no dia 5 de junho de 1949, na cidade de Cardiff, País de Gales, Reino Unido. Antes de enveredar pela literatura, graduou-se em filosofia numa universidade de Londres, Inglaterra. Trabalhou também como jornalista em dois jornais da capital inglesa. Premido pela necessidade e incentivado pelos amigos, escreveu o primeiro livro para pagar contas. O sucesso o encorajou a se dedicar exclusivamente à literatura a partir de 1974, quando escreveu os dois primeiros volumes da série, publicados sob o pseudônimo de Symon Myles. A partir de 1976, passou a assinar as suas obras com o próprio nome. O primeiro grande sucesso — “O Buraco da Agulha” — aconteceu em 1978. Foi adaptado para o cinema em 1981. Estima-se que o autor tenha vendido mais de 100 milhões de exemplares das suas trinta e cinco obras ao redor do mundo.

Obras Publicadas No Brasil
1976 — O Escândalo Modigliani
1976 — Os Poderes dos Gêmeos
1977 — Alta Finança
1978 — O Buraco da Agulha
1978 — O Roubo Perfeito
1979 — Triângulo
1980 — A Chave de Rebeca
1982 — O Homem de São Petersburgo
1983 — O Voo da Águia
1986 — Na Toca do Leão
1989 — Os Pilares da Terra
1991 — Noite Sobre as Águas
1993 — Uma Fortuna Perigosa
1995 — Um Lugar Chamado Liberdade
1996 — O Terceiro Gêmeo
1998 — O Martelo do Éden
2000 — Código Zero
2001 — As Espiãs do Dia D
2002 — O Voo da Vespa
2004 — Tempo Fechado
2007 — Mundo Sem Fim
2010 — Eternidade Por Um Fio
2010 — Queda de Gigantes
2012 — Inverno No Mundo

na-toca-do-leaoLie Down With Lions
01/04/1986 — A Editora Record está mandando para as livrarias a obra “Na Toca dos Leões”, do galês Ken Follett. Muitos críticos não comprariam um carro usado do autor, que foi, na juventude, especialista em truques baratos. Mas essa reedição do estilo vitorioso do “O Buraco Na Agulha” consegue prender os leitores mais desatentos. Qual a importância de o autor achar que a diferença entre a CIA e a KGB é que a primeira é “controlada pelo povo”? Aqueles que curtem Ken Follett não se se preocupam com essas minúcias (Playboy — Abril de 1986).

a-eternidade-puf1Edge of Eternity
01/10/2010 — O livro “A Eternidade Por Um Fio”, do escritor galês Ken Follett, entrou para a lista dos mais vendidos no Brasil, segundo a lista semanal divulgada pela revista Veja. Ele ocupa o terceiro lugar, logo atrás de “A Culpa É das Estrelas”, de John Green, e à frente de “Cinquenta Tons de Cinza”, de E. L. James. A obra é o terceiro volume da trilogia “O Século”, na qual o autor narrou a saga de cinco famílias — americana, alemã, russa, inglesa e galesa. Na conclusão da série, o destino de seus personagens é selado pelas decisões dos governos. É uma trama de e paixão e de conflitos numa das épocas mais tumultuadas da história: a Guerra Fria. O livro saiu pela Editora Arqueiro.



© 2013 Tio Oda - Todos os direitos reservados