d-nogueira2Diogo Nogueira

12/09/2015 — O cantor carioca Diogo Nogueira, um dos expoentes do “novo samba”, lançou o seu novo disco, intitulado “Porta-Voz da Alegria”. O ritmo do disco é muito intenso, com sambas de astral elevado e uso de muitos instrumentos. A maior parte das letras tem vocabulário simples. São dezessete músicas, divididas em quinze faixas. Onze das canções são inéditas, algumas delas feitas especialmente para o cantor. O destaque, segundo a crítica, vai para as canções “Musas”, da dupla Arlindo Cruz e Rogê, e “Alma Boêmia”, dos parceiros Toninho Gerais e Paulino Resende. O lançamento do disco aconteceu num show especial no Citibank Hall do Rio de Janeiro. O preço sugerido do exemplar é R$ 24,90.

diogonogueira in1DIOGO NOGUEIRA nasceu no dia 26 de abril de 1981, na cidade do Rio de Janeiro. Filho do festejado João Nogueira, frequentou as rodas de samba do pai ao longo de toda a infância e adolescência, mas virou jogador de futebol, seguindo a vontade paterna. Chegou a atuar pelo Cruzeiro de Porto Alegre em 2005, após se destacar em jogos da várzea carioca. Ele assinaria um contrato, mas teve uma lesão no joelho e voltou ao Rio de Janeiro. Novamente na sua terra natal, voltou a frequentar rodas de samba e formou uma banda própria. Também assinou contrato com a gravadora EMI. Com o álbum Diogo Nogueira Ao Vivo, lançou-se na carreira solo. O álbum conta, em sua maioria, com sambas compostos pelo pai, como Espelho, Poder da Criação e Clube do Samba.

Mas possui também canções compostas por ele próprio, como Samba pros Poetas. Ele conseguiu o que o pai jamais conseguira na Ala de Compositores da Portela. Emplacou o samba que foi cantado na avenida no Carnaval 2008. Ao lado de outros nomes, compôs Reconstruindo a Natureza, Recriando a Vida: O Sonho Vira Realidade. A agremiação tirou o quarto lugar e voltou para o Desfile das Campeãs, após dez anos ausente. Em 2010, ganhou o prêmio de melhor artista ou banda de MPB no Video Music Brasil 2010 da MTV. É apresentador do programa Samba na Gamboa, na TV Brasil. Em 2012, lançou a coletânia Samba Book — João Nogueira, em homenagem à obra de seu pai.


 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados