banner-topo

Jacques Bainville: livros para o entendimento da história da França

bainville1Jacques Bainville, ensaísta e historiador

Pierre Jacques Bainville nasceu no dia 9 de fevereiro de 1879, na localidade de Vincennes, Île-de-France, França. Morreu no dia 9 de 1936, na cidade de Paris.

Vindo de uma família comprometida com os valores republicanos, estudou no Liceu Henrique IV e, em seguida, um ano na Faculdade de Direito de Paris. Discípulo de escritores políticos como Maurice Barrés e Charles Maurras, iniciou a carreira com trabalhos sobre a história da Alemanha e escritos políticos a respeito das relações da França com a Alemanha e a Itália. Após uma visita à Alemanha, publicou um trabalho sobre Bismark (1907), salientando o apoio político alemão ao republicanismo francês.

bainville2Em sua História de Três Gerações, fez uma análise da França entre 1815 e 1818. As periódicas invasões do país pela Alemanha foram profundamente comentadas em sua História de Dois Povos (1915). E Em as Consequências Políticas da Paz (1920) criticou de modo violento o Tratado de Versalhes, prognosticando a ameaça alemã. Em 1924, publicou a História da França, que foi reeditada com a inclusão de um estudo sobre “a sorte e a desgraça dos franceses”. Colaborou nos jornais Gazeta da França e Ação Francesa, ambos de tendências nacionalistas. A partir de 1920, foi diretor da Revista Universal.

No livro Filiações reuniu uma série de contos e crônicas publicados em diversos periódicos, nos quais retrata a vida do francês médio, “um simplório”. Já Napoleão, publicado em 1931, obteve grande sucesso, do mesmo modo que os contos Jacó e Lori (1927) e Taça de Saxe (1928), ambos trazendo conceitos sobre as pessoas e as coisas da época. Outras obras, como A Terceira República e Os Ditadores, exprimem sua constante preocupação com o futuro do país. Muitos dos seus artigos foram reunidos em volume e publicados postumamente. Conservador, nacionalista defensor da elite contra o estado, seus trabalhos foram de grande importância na época, tendo influenciado a juventude do seu tempo.


 


© 2013 Tio Oda - Todos os direitos reservados