alexandrevii in1Alexandre VII
linha-gif

Título papal de FABIO CHIGI, nascido no dia 13 de fevereiro de 1599, na cidade de Siena, Toscana, Itália. Morreu no dia 22 de maio de 1667, na cidade de Roma. Foi eleito papa no dia 18 de abril de 1655.

Era filho de uma abastada família de banqueiros. Doutorou-se em filosofia, direito e teologia na Universidade de Siena. Para ascender ao trono de São Pedro, foi apoiado abertamente pela Espanha. Sobrinho-neto do papa Paulo V, foi inquisidor em Malta e núncio apostólico em Colônia, na Alemanha, o que lhe conferiu especial habilidade diplomática. Participou como núncio papal do Tratado de Vestfália, que colocou fim à Guerra dos Trinta Anos, ocorrida entre 1618 e 1648. Esta guerra foi uma série de conflitos religiosos e políticos, verificada especialmente na Alemanha, na qual rivalidades entre católicos e protestantes e assuntos constitucionais germânicos foram gradualmente transformados em uma luta europeia.

praca-sao-pedro in1Foi guindado ao posto de cardeal em 1652, tendo sido eleito papa após a morte de Inocêncio X. Combateu sistematicamente o jansenismo, teologia cristã surgida na França e na Bélgica, através das pregações de Cornelius Jansen. Esta teologia aproximava-se do calvinismo e pregava a reforma religiosa, com vistas ao retorno do cristianismo puro. No plano político, teve um sério conflito com o rei Luis XIV, da França, após um insulto da guarda corsa ao embaixador francês em Roma. O monarca da França ocupou o condado veneziano de Avinhão e ameaçou invadir os estados pontifícios. Isso fez com que o papa acabasse por assinar o humilhante Tratado de Pisa , em 1664.

Administrativamente, foi um governante acima da média. Embelezou Roma com obras que marcaram o ápice da arte barroca na cidade, terminando as obras da Praça São Pedro, com a colunata de Gian Lorenzo Bernini e suas duas fontes. Esses locais passaram a ser um dos principais pontos de visitação da Europa. Ampliou a Universidade de Roma e a Biblioteca Papal e convenceu as autoridades de Veneza a devolver aos jesuítas tudo que havia tomado deles e permitir que voltassem à cidade. Foi o 238.º papa e passava a maior parte do seu  tempo em oração. De espírito aberto, apoiou fortemente as artes.

 

 



© 2017 Tio Oda - Todos os direitos reservados